Dá um caldo

Cinco séries que o SBT deveria voltar a exibir

Confira séries que o SBT poderia exibir novamente

Cinco séries que o SBT deveria voltar a exibir
Chapolin está fora da programação do SBT há dois anos - Reprodução/SBT

Publicado em 01/12/2019 às 09:00:38

Por: Thiago Forato

Ao longo de seus 38 anos de história, o SBT transmitiu diversas séries enlatadas na programação. Várias delas deixaram saudades.

Algumas, ao longo da história, foram escanteadas pelo SBT por pura opção, mas outras porque os direitos não foram renovados.

Pensando nisso, o NaTelinha lista cinco séries que faria sucesso caso o SBT opte por reprisar, já que não saíram de moda:

Chapolin

Chegando ao lado de Chaves em agosto de 1984 junto com um pacote de novelas da Televisa, Chapolin nunca teve a mesma atenção que o Menino do Oito.

E de fato: nunca fez o mesmo sucesso que Chaves. Apesar disso, teve seus momentos de glória em dobradinhas nos anos 90 e 2000.

Horários "mortos" para que o SBT pudesse resgatar o Polegar Vermelho é que não faltam. O que poderia ser uma jogada de mestre.

Os fãs, aliás, volta e meia pedem que a emissora exiba novamente Chapolin, que está fora da grade de programação desde 2017, quando era exibido somente para São Paulo.

Um Maluco no Pedaço

Produzida entre 1990 e 1996, Um Maluco no Pedaço fez muito sucesso na grade de programação do SBT, chegando ao primeiro lugar com frequência no horário vespertino.

As aventuras de Will Swmith, que na série é um jovem de origem humilde e que se muda para a casa do seu tio em um bairro luxuoso na Califórnia caiu rapidamente nas graças do público.

Totalizando seis temporadas divididas em 148 episódios, Um Maluco no Pedaço é uma série com começo e desfecho. Isto é, teve um final gravado e mostrado também pelo SBT. O que não é uma regra.

As Visões da Raven

A menina que tinha visões não tão claras assim sobre os acontecimentos futuros, Raven Baxter fez sucesso na tela do SBT nos anos 2000 e 2010.

Com 100 episódios e dois spin-offs, Cory na Casa Branca e A Casa de Raven, a série do Disney Channel ainda daria um bom caldo na programação do SBT, diversificando um pouco suas atrações.

Eu, a Patroa e as Crianças

 

Assim como Um Maluco no Pedaço, a série Eu, a Patroa e as Crianças deu muitas dores de cabeça à Globo no horário do almoço, chegando a liderar algumas vezes.

Ao contrário da produção estrelada por Will Smith, no entanto, a série acabou terminando sem um final. No último episódio, Jay disse que estava grávida de Michael Kyle. Ela brigava para que ele fizesse uma vasectomia.

Smallville

A história do jovem Super Homem já fez muito sucesso na grade de programação do SBT. Tanto diariamente, nas férias de Ratinho, quanto aos domingos à tarde, mesmo em meio a tantos cortes e concorrência pesada.

O enredo conta com 10 temporadas e foi uma porta que se abriu nos Estados Unidos para a produção de outras séries de super-heróis como Arrow, Legends of Tomorrow, Gotham e Supergirl.

Exibir Smallville no formato de novelas, todos os dias, ainda que de madrugada, até que não seria má ideia, hein?



Melhores do Ano NaTelinha 2019: Vote e eleja os destaques do ano na televisão!


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!