Selo Globo

Com Du Moscovis, Marília Gabriela e elenco global, Space estreia "O Doutrinador"

Produção começa a ser exibida no próximo domingo

Com Du Moscovis, Marília Gabriela e elenco global, Space estreia
"O Doutrinador" vai ser uma espécie de "Dexter" brasileira. Foto: Divulgação

Publicado em 30/08/2019 às 20:35:15

Por: Redação NT

A partir do próximo domingo (1º), o canal por assinatura Space começa a exibir sua mais nova série nacional, "O Doutrinador", uma espécie de "Dexter" tupiniquim e que conta com elenco de peso e nomes com o selo Globo, como Du Moscovis e até Marília Grabiela que volta a atuar depois de muitos anos fora do ar.

A emissora começou a lançar uma série de chamadas divulgando o produto que vai ao ar às 21h. O produto é original do canal da Turner, em coprodução com a Paris Entretenimento e tem a direção geral de Gustavo Bonafé. Serão sete episódios semanais, com 45 minutos de duração cada. O Space promemete desdobramentos mais aprofundados, personagens inéditos, muitas cenas de ação e efeitos especiais. 

A produção apostou em um elenco de peso para chamar a atenção do telespectador, a começar por Du Moscovis, um dos atores que fazem parte do elenco fixo da Globo e que esteve recentemente com um papel de destaque na novela das nove "O Sétimo Guardião".

Além de Marília Gabriela, a entrevistadora e atriz que se destacou em produções globais como "Senhora do Destino" (2004), "Cinquentinha" (2009), "O Doutrinador" ainda terá nomes como Tuca Andrada ("O Sétimo Guardião") e Lucy Ramos ("A Dona do Pedaço").

Também faz parte do elenco a atriz Helena Ranaldi, conhecida do grande público por seus trabalhos na emissora carioca, como "Mulheres Apaixonadas" (2003) e "A Favorita" (2008), mas que recentemente já estava fora do canal, tendo feito a segunda temporada de "O Mecanismo", na Netflix.

"O Doutrinador" possui um contexto político, onde praticamente todas as esferas de poder estão tomadas por criminosos capazes de cometerem crimes de todas as espécies. Na série, o lado investigativo é altamente explorado. Como o herói, Miguel Montessanti (Kiko Pissolato), é um agente de elite do DAE (Divisão Armada Especial), especializado em missões de campo no mar, na terra e no ar, ele usa o aparato para não só investigar as redes de corrupção, como para cobrir seus rastros quando ele mesmo é investigado. 

O trauma pessoal de Miguel se relaciona diretamente com a corrupção e descaso na saúde pública. Os agentes do DAE sofrem com a corrupção que influencia nos seus trabalhos.Cada personagem da série se verá confrontado com os dilemas morais expostos pelo vigilante, que travará uma batalha cruel com seus monstros internos. 

A série lembra "Dexter", produção dos EUA que chegou a ganhar o Emmy na categoria melhor série dramática. Nela, o protagonista, um legisla forense, decide matar criminosos que ele considerava que mereciam a morte e não um julgamento oficial. 

Veja a chamada de elenco de "O Doutrinador"


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!