Reportar erro
Acontece em setembro

Com séries em baixa, Fox pode deixar Emmy sem apresentador

Evento não fica sem um anfitrião desde 2003

Tina Fey e Ami Poehler
Tina Fey e Ami Poehler fizeram sucesso quando apresentaram o Emmy. Evento pode ficar sem anfitrião em 2019. Foto: Divulgação
Naian Lucas

Publicado em 14/06/2019 às 14:35:57

A crise de audiência e de séries com prestígio do grande público pode resultar na decisão da Fox em deixar o Emmy sem um apresentador na atual temporada, algo que não ocorre desde 2003, quando o evento foi transmitido justamente pelo canal, copiando, assim, o Oscar. A informação é da Variety.

O Emmy acontece tradicionalmente num sistema de rodízio entre as emissoras de TV aberta americana. O maior prêmio da televisão dos Estados Unidos costuma ter um apresentador que, via de regra, é um humorista. Em 2018, a NBC escolheu uma dupla do longevo humorístico "Saturday Night Live" para comandar a atração: Colin Jost e Michael Che.

Mesmo a Fox utilizou humoristas de seus principais produtos para comandar a atração. Em 2015, por exemplo, coube a Andy Samberg, protagonista de "Brooklyn Nine Nine", o papel de ser o anfitrião da premiação. Acontece que a série migrou para a NBC.

Vale lembrar que a 21st Century Fox foi vendida para a Disney em todo o mundo, porém, o canal de TV americano acabou mantido pelo magnata Rupert Murdoch. Logo, o negócio bilionário não teria relação com a decisão de agora.

Não é apenas a falta de uma série de humor de grande sucesso que impede a Fox de escolher o apresentador para a próxima edição do Emmy. Especialistas apontam que a emissora vive uma crise de identidade com suas produções e não há vislumbre de alguém que seja unanimidade para representar o canal neste desafio.

"Empire", que foi o carro-chefe da rede por muitos anos, vive em baixa após o escândalo que envolveu um dos protagonistas que teria forjado um ataque racista e, por conta disso, acabou demitido e não fará a última temporada da atração.

Segundo o site que cobre a TV americana, a explicação para o evento sem um anfitrião também passa pelo Oscar. É que o prêmio de cinema não contou com nenhum apresentador neste ano e preferiu abrir espaço para os filmes nomeados.

Existe a possibilidade de, por conta da era de diamante da TV estadunidense, o canal opte por dar maior espaço para as grandes produções da atualidade, até porque muitas delas se despediram este ano. É o caso de "Game of Thrones" e "Veep", duas das maiores vencedoras nas categorias drama e comédia na década. 

O Emmy 2019 acontece no dia 22 de setembro, voltando a um domingo. A decisão se terá ou não um anfitrião deve sair antes, no dia 16 de julho, quando será divulgada a lista de indicados ao prêmio.

TAGS:
Mais Notícias