Exclusivo

Além da Ilusão: Olívia Araújo diz que Augusta dará choque de realidade em Isadora para defender Davi

A atriz contou detalhes sobre o momento em que a verdade virá à tona na novela das seis


Olívia Araújo caracterizada como Augusta em Além da Ilusão, de vestido com flores e cabelos presos
Olívia Araújo interpreta Augusta em Além da Ilusão - Fábio Rocha/TV Globo

Além da Ilusão entrou em uma fase em que os conflitos começam a partir para as resoluções e muitos segredos vão ser descobertos. Um deles envolve a farsa montada por Davi (Rafael Vitti), que assumiu a identidade de Rafael Antunes (Fabrício Belsoff) para conseguir despistar a polícia e recuperar sua liberdade. Quando descobrir tudo o que o amado fez, Isadora (Larissa Manoela) passará por maus bocados, mas vai levar um choque de realidade de Augusta (Olívia Araújo), que sempre acreditou na inocência do rapaz. Ao NaTelinha, a atriz conta como essa história vai se desenrolar.

"A Dorinha descobre porque ela consegue se lembrar do Davi mágico e aí a Augusta vai até ela, com ela muito reticente, dizer tudo o que ela viu, porque ela acredita nele. É o momento do encontro das duas, na verdade. Porque assim, durante a trama, depois que a Dorinha vai pra fazenda, elas se afastam um pouco. Quando ela era criança, elas eram muito ligadas, e ela vai entrando na adolescência e na juventude e elas ficam mais afastadas. Elas têm um reencontro e nessa cena já não é mais aquela Dorinha criança, que corria pra Augusta assustada. Já é uma mulher, que conhece o amor, que já viveu. A conversa delas nessa cena é uma conversa mais de mulher", explica.

Olívia ainda diz que a mocinha não vai ter outra opção, senão encarar a verdade. "'Eu tô contando a realidade, foi isso que aconteceu. O que você quer? Quer acreditar ou quer se infantilizar? Você gosta desse homem mesmo? É isso que você quer pra você?'. É um momento bonito, uma cena que quando eu li eu gostei muito porque eu entendi nesse lugar, que elas vão se reencontrar nesse momento da vida. A Augusta não tá mais falando com uma criança, mas com uma mulher adulta. Um choque de realidade pra ela pelo menos sair dali pensando no que aconteceu. Ela conhece o pai, ela sabe de todas as coisas, o pai sequestrou e prendeu a mãe, a rejeita porque não consegue esquecer a Elisa... Ela teve essa ausência duplamente", pontua, citando também a parceria da governanta com o personagem de Rafael Vitti.

"Eles criaram no início da novela uma empatia um pelo outro, se reconheceram na sua fragilidade e se uniram por conta da injustiça que ela sabe que ele sofreu. Ele também abraça ela porque sabe que ela já passou por algumas situações injustas, então eles se apoiam. Ela tem essa defesa da inocência, do direito que ele tem a ter uma história bonita, de ser esse profissional bem sucedido como artista, de poder viver um novo amor com a Dorinha. Ela é uma baita defensora do Davi", diz.

Feliz com seu papel no folhetim de Alessandra Poggi, Olívia lembra com alegria de todos os outros personagens que recebeu e celebra o fato de ter podido contar boas histórias. A atriz revela que Além da Ilusão chegou em um momento feliz de sua vida e é uma junção de coisas boas. Esse "pacote" contempla também uma equipe unida. "A gente tem um elenco que se respeita muito e se admira dentro do trabalho, admira o que o colega tá fazendo, assiste, comenta, parabeniza as cenas quando a gente se emociona. Tudo isso se reflete na cena. De fato a gente é um elenco muito feliz e harmonioso. Na nossa profissão a entrega é estressante, então ter esse ambiente de harmonia e respeito ajuda muito. E a gente conquistou isso na novela. A gente gosta de estar junto, gosta de ver o outro trabalhando, gosta de ver o que o outro tá fazendo... Nós gostamos de assistir a novela. A gente sai pra almoçar ou pra fazer qualquer outra coisa e tá falando da novela, do capítulo, do roteiro, do personagem... Porque a gente realmente tá muito envolvido. É uma trama muito boa de fazer e a convivência tá maravilhosa", vibra.

Apesar do bom momento que vive pessoal e profissionalmente, Olívia teve uma notícia ruim no último dia 30: a morte de Milton Gonçalves (1933-2022). "Eu senti porque, primeiro, é uma grande referência como artista pra nós, brasileiros. E é uma grande referência pra mim como artista negra. Eu tive a alegria de fazer uma novela com o Seu Milton e teve um momento que foi uma das coisas mais bonitas e a prova da grandiosidade desse artista tão completo. Era uma cena que nem foi pro ar como foi gravada, mas era muito comovente e ele me propôs fazer de um jeito. Uma cena que ficou muito bonita. Eu me lembro que a equipe e o outro ator que tava fazendo com a gente ficaram muito emocionados", descreve, citando O Tempo Não Para (2018-2019).

"Aí eu falei 'Seu Milton, o senhor me deixou sozinha, a gente tinha combinado que ia cantarolar essa música juntos'. E ele, muito amorosamente, falou assim: 'Não, essa cena era pra você'. É de uma generosidade que só uma pessoa como ele, com conhecimento e experiência, faria para uma jovem atriz como eu, iniciante. Porque eu tô engatinhando perto da história do Seu Milton, e ele foi essa mão. Os momentos dos bastidores, das histórias foram riquíssimos. Uma vida dedicada como artista. Foi sentido porque todas as despedidas são difíceis. Mas, ao mesmo tempo, uma gratidão imensa por tudo que ele fez. Foi um homem que viveu plenamente. Sorte a nossa se a gente conseguir terminar a nossa jornada vivendo plenamente como ele fez", elogia.

Além da Ilusão: Olívia Araújo diz que gostaria de viver uma história de amor como a de Augusta

Além da Ilusão: Olívia Araújo diz que Augusta dará choque de realidade em Isadora para defender Davi
Foto: João Miguel Júnior/TV Globo

Nos próximos capítulos de Além da Ilusão, Olívia vai se casar com Abílio (Luciano Quirino) em uma cerimônia na vila operária. A atriz destaca que sua personagem cultivou esse sentimento durante anos e nem esperava ter esse retorno amoroso, mas diz que ainda não viveu algo parecido. "Nunca tive um romance desse, ia achar lindo. Romance de novela, daqueles pra gente contar muitas vezes, ia ser lindo. Tem uma coisa que eu e a Augusta temos em comum: somos românticas. Eu acredito, acho que enquanto há vida há esperança, acho que as pessoas tão aí pra viverem, se encontrarem, se apaixonarem... E, não importa quanto tempo, dá certo. Se é um dia, uma semana, meses, ... O fato de encontrar já deu certo", ressalta.

"A gente se endureceu ao longo do tempo porque a gente passa por coisas muito duras. Eu acredito que a gente tá aqui por amor. Se tirar esse componente da vida resta muito pouco. O restante é o que? O trabalho, o dinheiro? Não, se você não tiver essa graça, esse afeto por alguém, fica muito pobre, muito vazio, muito pequeno. Tudo o que a gente faz é meio que em direção a isso. Brinco que acredito na humanidade ainda, eu tenho essa esperança", diz ela, aos risos.

Sobre o momento vivido pela governanta, a intérprete concorda com o fato de que ela renascerá. "Quando eles se encontram e isso acontece é uma outra vida pra ela. É de fato a Augusta pessoa. Porque, até então, a gente conhece a Augusta profissional, a que trabalha na casa, a que se dedica aos outros. Nesse momento, ela faz uma escolha por ela e vai viver esse amor, esse romance. E é bonito, é um encontro de duas pessoas que tiveram histórias difíceis de vida. É um momento de um amor maduro, de um grande companheirismo, eles são muito afetuosos, é um romance bonito", derrete-se.

"Foi muito emocionante gravar, foi um casamento tratado com muito carinho por toda a equipe. Os detalhes da arte, da festa, da igreja, do figurino, da caracterização... Todo mundo se juntou pra fazer o casamento deles, parecia que tava todo mundo apaixonado, com muita vontade de fazer aquele casamento. Quando eu entrei pra fazer a cena na igreja, foi lindo olhar pros meus colegas e ver todo mundo com os olhos marejados, emocionados. Foi difícil gravar e não chorar, porque eu achei que a Augusta fosse se emocionar e não chorar. Foi muito bacana de ver esse carinho, de ficar redondinho, de ficar tudo bonito, cada detalhezinho", adianta.

Olívia finaliza dizendo que toda a dedicação da equipe da novela mexeu com ela. "Foi uma cena de casamento bem amorosa, espero que as pessoas quando assistirem a cena no ar sintam essa alegria que a gente teve quando fez. Foi lindo todo o processo. No dia que eu cheguei pra gravar a festa que eu entrei no nosso cenário tava lindo, tudo tão bem cuidado, o bolo, o enfeitinho, as flores... Eu, como atriz, me senti tão acarinhada quanto a Augusta. Porque é uma atenção e um carinho com o seu personagem e você quer retribuir pra que toda aquela equipe, todas aquelas pessoas que estavam ali trabalhando com tanto empenho, o melhor que você pode, dentro do personagem, pra tornar aquilo realmente especial. Pra mim foi muito marcante por conta disso", completa.


Acompanhe a TV NaTelinha no YouTube

Resumos de novelas, entrevistas exclusivas, bastidores da televisão, famosos, opiniões, lives e muito mais!

Inscreva-se
Mais Notícias