Nova grade beneficia até o "Jornal da Record" e Record TV cresce 50% no horário nobre

Comparação do último mês mostra que mudança fez muito bem, obrigado, à emissora

Celso Freitas e Adriana Araújo comandam o "Jornal da Record" - Divulgação

Publicado em 31/01/2018 às 13:10:09

Por: Fabrício Falcheti

A direção da Record TV está rindo à toa com os resultados de audiência obtidos após a mudança da grade no horário nobre.

A emissora cancelou o jornal local "SP Record", abrindo mais tempo para o "Cidade Alerta" e migrando a reprise de "Os Dez Mandamentos" para a faixa das 19h45, antes ocupada por "Belaventura", que terminou na semana passada.

Com isso, até "Apocalipse" e "Jornal da Record" se deram bem, também apresentando crescimento em seus índices.

Nesta terça-feira (30), o "Cidade Alerta" cresceu 61% na comparação com as quatro últimas terças e registrou 9,4 pontos de média, garantindo o segundo lugar, contra 7,4 do SBT.

Na sequência, a reapresentação da saga de Moisés (Guilherme Winter) elevou a faixa das 19h44 às 20h44 em incríveis 90% na comparação com as últimas terças, quando ia ao ar a inédita "Belaventura". Ontem, "Os Dez Mandamentos" marcou 8,6 pontos de média e superou a concorrência, que teve 8,0.

"Apocalipse" também cresceu e conquistou 7,0, após sofrer com índices de 5 pontos e até ser reduzida pela emissora. Mas a novela bíblica inédita segue em terceiro lugar, já que o SBT teve 10,5.

Por fim, o "Jornal da Record" cresceu 30% em relação às quatro últimas terças-feiras, saltando de 5,1 para 6,6 pontos entre 21h43 e 22h36, ante 7,7 do canal de Silvio Santos.

Com isso, a média-noite da Record TV saltou 50%. Nas últimas quatro terças, das 18h à meia-noite, marcou 5,6 pontos, enquanto ontem, fechou com 8,4 de média.

Esses dados são consolidados e referem-se a um grupo de telespectadores na Grande SP.



publicidade

TAGS:

LEIA MAIS

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

publicidade