Reportar erro
MTV

"Catfish Brasil" estreia segunda temporada nesta quarta; apresentadores comentam

Reality aborda relacionamentos virtuais e tenta descobrir mentiras e verdades

catfishbrasil2017(2)_e8a6cf9562d22fcded11ca2d8dba3c5d54192319.jpeg
Ricardo Gadelha e Ciro Sales comandam o "Catfish Brasil" - Fotos: Divulgação/MTV
Eduardo Rangel

Publicado em 20/09/2017 às 11:09:02

Nesta quarta-feira (20), a MTV Brasil estreia a segunda temporada do reality show “Catfish Brasil”, que terá a cidade de Ouro Preto, em Minas Gerais, como palco do seu primeiro caso, com a participante Bruna, que tenta saber se seu namorado virtual é realmente quem diz ser.

O formato é original americano e produzido desde 2012 pela MTV, com Nev e Max, que encontraram os apresentadores brasileiros em um episódio especial.

Em conversa exclusiva com o NaTelinha, Ciro Sales e Ricardo Gadelha falaram sobre a segunda temporada do "Catfish".

Comparando com a versão dos Estados Unidos, Ciro disse que "as situações falam de algo universal, de como as pessoas se apegam às outras através das redes sociais" e eles têm que buscar apresentar para os participantes a verdade e ajudá-las neste quesito. Entre as principais diferenças, classifica a diversidade brasileira, que fala muito sobre a imensa dificuldade social do país, além da falta de cultura na comparação com os americanos.

Ele também contou que em um dos episódios, uma das pessoas que tinha o perfil fake se divertia mais com a página falsa do que ir ao cinema, por exemplo.

\"Catfish Brasil\" estreia segunda temporada nesta quarta; apresentadores comentam

Por aqui, "Catfish" se tornou um sucesso, elevando a audiência da MTV. Para Ricardo, um dos motivos para isso é que o reality fala sobre gente e como o ser humano é capaz de ser, além do que "a capacidade do homem de amar é uma das condições da nossa existência, nos diferenciando e nos ampliando".

Ele diz ainda que é um programa muito bom de fazer por ter esse caráter humano, sendo também bom de se assistir, indo além do puro entretenimento.

Já para Ciro, como “Catfish” é um sucesso porque trata de casos reais, gerando muito identificação. Todo mundo já teve ou conhece alguém que teve um "crush" virtual, ele diz.

Os dois brasileiros também contaram como foi o encontro que tiveram com os apresentadores americanos, Nev e Max. "Esse encontro nos deixou muito próximos, já que não teve muito planejamento, e deu uma tranquilizada na gente, pois eles nos apontaram o caminho e tivemos o aval deles. Trocamos muitas figurinhas, e tivemos um aprendizado. Eles também nos perguntaram se no Brasil as pessoas acham que os casos são falsos", contou Ciro.

\"Catfish Brasil\" estreia segunda temporada nesta quarta; apresentadores comentam

Ricardo complementou dizendo que o encontro foi uma "delícia, mas curto", e que poder reunir quatro pessoas que fazem o mesmo trabalho foi "incrível". "Tivemos momentos de muita troca de trabalho e dicas de como seguir o programa no Brasil", falou.

A primeira temporada da versão brasileira de “Catfish” foi marcada por diversas críticas, com acusações de casos armados e também sobre a edição falha. Questionados, eles falaram abertamente.

Para os dois, as críticas são um momento de amadurecimento e levam o mais naturalmente possível. "Mas às vezes as críticas não têm fundamento, o que levam as pessoas a fazer julgamentos", frisam. Como o programa tem forte ligação com a internet, a maioria das críticas vieram das redes sociais. Garantiram ainda que a segunda leva de episódios será "muito mais robusta".

Já antecipando alguma coisa da continuação do reality, Ciro Sales e Ricardo Gadelha contam que a estreia será muito especial pois vai falar sobre rejeição e humanidade.

\"Catfish Brasil\" estreia segunda temporada nesta quarta; apresentadores comentam
"Catfish Brasil" vai a Ouro Preto, Minas Gerais, na estreia da segunda temporada

Da primeira temporada, Ciro preferiu ficar em cima do muro na hora de escolher o melhor episódio, mas Ricardo classificou o primeiro como o que mais gostou de gravar e o que tem um carinho especial.

Por fim, ambos garantem que nunca sofreram na mão de algum 'catfish', já que usam a web para questões profissionais. Ricardo comenta que já fez parcerias com pessoas que não conhecia e deu certo. Já Ciro diz que não tem muita intimidade com a internet.

A segunda temporada de “CatFish Brasil” estreia nesta quarta, às 22h, na MTV.

Mais Notícias