Reportar erro
Exclusivo

Sindicato dos Jornalistas repudia denúncias de assédio na RedeTV!: "fatos lamentáveis"

Emissora não se pronuncia

redetvlogo-fundopreto_81655bfe6112a066cafe2d6df700b4986df4799d.jpeg
Divulgação
Fabrício Falcheti

Publicado em 30/08/2017 às 17:53:07

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) emitiu nesta quarta-feira (30) uma nota de repúdio confirmando denúncias trazidas à tona em reportagem do NaTelinha na terça (29), sobre atos que seriam configurados como assédio moral praticados dentro da redação de jornalismo da RedeTV!.

Desde 2014 como superintendente de jornalismo e esportes da emissora, a gestão de Franz Vacek vem enfrentando processos a partir do seu braço direito no departamento, a chefe de redação Lídice Leão.

Segundo depoimentos ouvidos pelo NaTelinha sob promessa de anonimato - por medo de ter suas carreiras prejudicadas -, ela perseguiria a todos que questionassem as suas ordens, agindo de forma humilhante demostrando que ela era a superior hierárquica, ameaçava a equipe de demissão, rebaixava as funções dos jornalistas e minimizava os contratados como PJ.

O Sindicato dos Jornalistas informa que também apurou, confirmou os fatos e irá entrar em contato com a direção da emissora para "acompanhar quais providências têm sido tomadas pela empresa".

"O Sindicato dos Jornalistas repudia toda e qualquer forma de assédio, se solidariza com a redação da RedeTV! e de outras empresas de comunicação em que os profissionais sejam vítimas desse problema, e se coloca à disposição para prestar todo o apoio necessário para apuração rigorosa e punição dos culpados", finaliza a nota.

Procurada pela reportagem desde segunda-feira (28), a assessoria de imprensa da RedeTV! ainda não se pronunciou sobre as denúncias. Contactada novamente nesta quarta, por telefone e e-mail, nem sequer houve um retorno. O espaço segue aberto.

Confira o comunicado do SJSP na íntegra:

"Sobre os casos de assédio moral no jornalismo da RedeTV!, como divulga a matéria publicada nesta terça-feira (29) pelo site NaTelinha, o Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP) esclarece que apurou e confirma os fatos lamentáveis ocorridos na redação da emissora.

A denúncia dos casos é essencial e o SJSP tem prestado apoio e orientado os jornalistas quanto ao registro de assédio. Para tratar da situação na RedeTV!, o Sindicato dos Jornalistas entrará em contato com a direção da emissora para acompanhar quais providências têm sido tomadas pela empresa

Além do apoio e orientação necessários a quem denuncia, a entidade também tem buscado formas de cobrar medidas mais efetivas das empresas de comunicação para combate e prevenção do problema.

Atualmente, há cláusula específica nas Convenções Coletivas de Trabalho dos jornalistas, mas o SJSP segue negociando uma nova redação deste item para obrigar um maior engajamento e medidas com maior efetividade por parte das empresas, bem como garantia de proteção às vítimas.

Além disso, em 2016, diante da constatação do aumento do número de casos, o Sindicato criou, ainda, um canal exclusivo para receber denúncias de assédios moral e sexual no jornalismo. As denúncias podem ser feitas enviando relato pelo e-mail denuncieoassedio@sjsp.org.br ou contatando pelo celular/Whatsapp (11) 99300-1382. O sigilo é garantido.

O Sindicato dos Jornalistas repudia toda e qualquer forma de assédio, se solidariza com a redação da RedeTV! e de outras empresas de comunicação em que os profissionais sejam vítimas desse problema, e se coloca à disposição para prestar todo o apoio necessário para apuração rigorosa e punição dos culpados.

Direção - Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo (SJSP)".