Reportar erro
Romeu e suas mortes

Em 15 anos, "Romeu Tem Que Morrer" será exibido pela 16ª vez nesta sexta pelo SBT

Filme protagonizado por Jet-Li é um dos mais reprisados pela emissora

romeutemquemorrer_ed30b6363aa0881b78d3ecdec65a943d36a3d413.jpeg
Jet Li nas filmagens de "Romeu Tem Que Morrer" - Divulgação
Thiago Forato

Publicado em 28/07/2017 às 06:12:46

Uma das sensações do pacote Warner do SBT no início do século XXI, "Romeu Tem Que Morrer", produzido em 2000, tem sido um dos campeões de reprises da emissora.

Desde 2002, ano em que o longa foi transmitido pela primeira vez, o SBT tem "matado" o Romeu mais do que ninguém. Foram 15 exibições. Nesta sexta-feira (27), será a 16ª, mas por incrível que pareça, sua primeira na "Tela de Sucessos".

Ao todo, o "Cine Espetacular" recebeu o filme de Jet Li por nove vezes, incluindo a estreia. O extinto "Oito e Meia no Cinema" mostrou três vezes; a clássica "Sessão das Dez", uma; a das "Dez e Meia", mais outra; e por fim, a "Quinta no Cinema", também com uma.

"Romeu Tem Que Morrer" teve seu recorde de exibições em 2014: dia 28 de janeiro, 27 de maio e 18 de novembro. Apenas em dois anos o filme não foi exibido: 2008 e 2013.

Em 15 anos, \"Romeu Tem Que Morrer\" será exibido pela 16ª vez nesta sexta pelo SBT
Chamada de "Romeu Tem Que Morrer" para esta sexta - Reprodução: SBT

Sempre garantia de audiência satisfatória, o filme faz parte de um dos primeiros pacotes da parceria entre SBT e Warner, que firmaram acordo de exclusividade no ano 2000.

Além dele, outros como "A Hora do Rush" (1, 2 e 3), "O Pestinha", "Scooby-Doo" e "Riquinho" estão sendo incessantemente reprisados pelo SBT, que também são da Warner.

Sem contrato com uma grande distribuidora, o canal colocou suas sessões de filmes para perto das 23h30. Atualmente, conta apenas com o "Cine Espetacular" e "Tela de Sucessos".

Outras clássicas como o "Cinema em Casa" e "Fim de Noite" (que concorria com o extinto "InterCine", da Globo e o "Corujão") já foram rifadas há anos, pelo baixo volume do acervo.

Mais recentemente, o "Cine Belas Artes" teve seu fim decretado após 16 anos.