Mais uma

Gigantes da TV americana se unem para bater de frente com a Netflix

CBS e Viacom se fundem para se manter competitiva no mercado

Gigantes da TV americana se unem para bater de frente com a Netflix
"The Big Bang Theory" é uma das séries que faz parte da nova empresa fundida entre CBS e Viacom. Foto: Divulgação

Publicado em 13/08/2019 às 19:21:52 ,
atualizado em 13/08/2019 às 20:31:25

Por: Daniel César

A Netflix tem um desafio dos grandes pela frente. A gigante do streaming terá de enfrentar adversários de peso nos próximos anos e acabou de ganhar mais um no mercado do entretenimento americano. Trata-se da CBS e Viacom, que anunciaram um acordo de fusão nesta terça-feira (13).

De acordo com a Variety, um dos principais sites sobre a indústria de entretenimento dos EUA, a fusão coloca a nova empresa, batizada de ViacomCBS, com um valor de mercado de US$ 30 bilhões (algo em torno de R$ 115 bilhões) e já entra como um dos principais conglomerados do mundo.

Com a junção, a nova empresa já nasce detentora de grandes produções que variam um cardápio e tanto que vão de "The Big Bang Theory" e "Jane The Virgen", até o reality show de sucesso "De Férias com o Ex". É que a fusão colocou num único guarda cuva emissoras como a própria CBS, além da MTV e até o Showtime, responsável pela exibição da premiada série "Homeland".

Segundo a imprensa americana, o próximo passo da nova empresa é apostar no streaming para concorrer diretamente com a Netflix, a maior do ramo nos EUA e também no mundo. A CBS já possui sua própria plataforma que, até o momento, funciona exclusivamente para o país. Não se sabe se haverá mudança de nome ou se o novo conglomerado tentará fortalecer a marca CBS All Access no mercado mundial.

A Variety informou ainda que a nova empresa já vem tentando negociar com empresas menores para ganhar ainda mais espaço no mercado, tanto para valor quanto para conteúdo. Como é o caso da AMC e até os estúdios da MGM, mostrando que entrou na disputa com força.

A guerra dos streaming

Vale lembrar que a fusão tem sido um movimento do mercado do entretenimento para combater o crescimento da Netflix. Há pouco tempo foi anunciado pela Disney a aquisição do Grupo Fox que formou um conglomerado de peso, com direito a grandes produções em seu catálogo, como "Os Simpsons".  O Disney + deve ser disponibilizado para os EUA ainda em 2019 e, para o resto do mundo a partir do ano que vem.

Quem também já anunciou sua própria plataforma é o grupo Warner que se uniu a AT&T, detentora de diversos canais importantes. Batizado de HBO Max, o streaming terá produções que variam desde "Game of Thrones" até aquela que é considerada como a sitcom mais importante da história, "Friends".

E ainda resta a Apple. A poderosa marca de tecnologia já anunciou sua Apple TV+ que apostará em conteúdo original e promete entrar com força no mercado a partir do ano que vem.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!