Na Justiça

Whindersson explica ordem de despejo: "Nunca pus os pés"

Humorista deu esclarecimentos sobre determinação judicial para desocupar imóveis em São Paulo


Whindersson Nunes
"Hoje, eu fui despejado de um lugar que eu nunca pus os pés dentro", relatou Whindersson Nunes - Foto: Reprodução/Instagram

Whindersson Nunes recebeu ordem de despejo por não pagar aluguel de sala comercial em São Paulo. Em rede social na madrugada desta quinta-feira (21), o humorista de 27 anos garantiu que “nunca pôs os pés” no local. Em comunicado, a assessoria do artista afirmou que “todas as providências para a regularização de eventuais pendências já foram tomadas”.

“Mês passado, eu paguei R$ 8 mil em pedras para jardim. Detalhe: eu não tenho jardim. Hoje, eu fui despejado de um lugar que eu nunca pus os pés dentro. R$ 16 mil de iFood e eu nem tenho esse aplicativo. Eu como a mesma comida todos os dias nos mesmo horários”, desabafou Whindersson Nunes, no Twitter.

Em seguida, ele deu a entender que as empresas oferecem serviços para ele de graça, mas depois fazem cobranças sem seu conhecimento. “Metade de todo meu custo mensal são os ‘pra você não custa nada’”, prosseguiu o humorista. Antes, ele havia brincado: “Era só o Popó ter me matado”.

Em comunicado publicado no perfil oficial de Whindersson no Instagram, sua equipe de assessoria afirmou que “a gestão administrativa do artista é feita por uma empresa terceirizada e que o mesmo tomou conhecimento da existência dos imóveis pela mídia”. O texto diz ainda que “todas as providências para a regularização de eventuais pendências já foram tomadas”.

Na quarta-feira (20), o Tribunal de Justiça de São Paulo deu andamento ao processo em que ordena que o humorista deixe imediatamente o imóvel. A decisão é da 5ª Vara Cível do Fórum de Regional de Pinheiros, localizada na Zona Oeste da capital paulista.

A dona da sala comercial entrou com uma ação contra o comediante porque ele não estava cumprindo com a responsabilidade de pagamentos com regularidade. Além disso, Whindersson teria se comprometido a instalar aparelhos de ar-condicionado no imóvel, o que não acabou acontecendo, de acordo com a decisão da Justiça.

Segundo o documento expedido, o ator não contestou a ação, o que, pela legislação, se presume que os fatos citados pela autora do processo sejam verdadeiros. O humorista tem 15 dias para desocupar a sala comercial de forma voluntária, ou então será despejado compulsoriamente.

Confira as publicações de Whindersson Nunes nas redes sociais:

Whindersson explica ordem de despejo: \"Nunca pus os pés\"

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
Mais Notícias
Outros Famosos