Reportar erro
Saudade

Thales Bretas emociona ao falar sobre Dia dos Pais sem Paulo Gustavo

Dermatologista será a capa da edição de agosto da GQ Brasil

Paulo Gustavo e Thales Bretas sentados
Paulo Gustavo e Thales Bretas - Reprodução
Redação NT

Publicado em 03/08/2021 às 14:53:00,
atualizado em 03/08/2021 às 14:56:59

Thales Bretas compartilhou em suas redes sociais, nesta terça-feira (3), que será a capa da edição de agosto da GQ Brasil, ao lado dos filhos Gael e Romeu, de 2 anos. Na publicação, o médico dermatologista aproveitou para refletir sobre o Dia dos Pais sem a presença de Paulo Gustavo, que morreu no dia 4 de maio deste ano, após complicações da Covid-19.

"Este vai ser o Dia dos Pais mais marcante para mim. Apesar da dor, estou aqui, resistindo e regando o que Paulo e eu plantamos neste mundo", disse Bretas, que completou: "O Paulo ainda está em cada canto da nossa casa e nos sorrisos de Gael e Romeu. E eu não seria capaz de ser o pai que sou hoje sem as lembranças que ele me traz". 

Durante a entrevista, Thales abordou a importância de viver a paternidade ao lado de Paulo Gustavo e de como a convivência com o humorista serve como base para a criação dos filhos. Ele ainda afirmou que o maior desafio é colocar os valores do marido na criação dos filhos.

Nos comentários da publicação, fãs e amigos comentaram a declaração. "Meu Deus! Que imagem linda, que amor que exala, que emoção ver vocês juntos... Amo muito vcs", disse Giovanna Ewbank. "Que capa mais linda! Amo vocês", escreveu Marcus Majella. 

Thales acreditava não ser possível ser pai 

Na segunda-feira (2), em um vídeo publicado em suas redes sociais, o médico contou que sempre desejou ter filhos, mas que imaginava não ser possível devido ao preconceito. 

"Sempre sonhei ser pai, constituir família. Quando me descobri gay, esse sonho foi ameaçado pelo preconceito da sociedade. E eu cheguei a acreditar que esse sonho poderia não ser possível para mim, só que aí eu conheci Paulo Gustavo e tudo mudou porque ele também tinha o desejo de ser pai", relembrou.

Bretas disse que a união com o humorista foi o que deu força para quebrar o preconceito: "Depois que a gente se uniu, percebeu que o que importa é o amor. E ter filhos era só multiplicar o amor que a gente já era. E a gente conseguiu trazer à vida os frutos do nosso amor, que são Gael e Romeu, dois meninos".

O médico finalizou dizendo que acredita não existir distinção entre pai gay ou hétero, já que as responsabilidades são as mesmas. Ele também contou que tem sido "exaustivo e preenchedor" cuidar dos filhos desde que o marido morreu.



Mais Notícias
Outros Famosos