Reportar erro
Novos caminhos

De Anitta a Gusttavo Lima: Artistas buscam trabalhos fora do Brasil durante a pandemia

Famosos passaram a procurar novos projetos no exterior

Anitta e Gusttavo Lima farão trabalhos internacional
Anitta e Gusttavo Lima estão apostando no mercado internacional - Foto: Montagem
Redação NT

Publicado em 22/06/2021 às 07:09:00

Com a vacinação em ritmo lento e sem previsão de quando shows com público poderão acontecer no Brasil, muitos artistas se planejaram para realizarem turnês no exterior. Focada na carreira internacional, Anitta deu mais destaque a divulgação de Girl From Rio em Miami. Sem poder viajar pelo interior do país, Gusttavo Lima também retornará aos palcos nos Estados Unidos em agosto.

A pandemia da Covid-19 fez com que o setor artístico fosse o mais afetado, mas os músicos mais populares foram os primeiros que encontraram soluções para seguirem trabalhando. As lives se tornaram estrondosos sucessos e cobriu durante um tempo o faturamento perdido dos shows.

Porém, a situação foi piorando ao redor do mundo e, de certa forma, as lives perderam impacto, o que diminuiu significativamente as receitas dos grandes artistas musicais. Já os que não estão possuem muita mídia, acabaram ficando sem renda e enfrentando ainda mais dificuldades.

Ao redor do planeta, a vacinação ocorreu de forma acelerada e há países em que as restrições diminuíram. Nos Estados Unidos – mais precisamente em Nova Iorque – a vida normal praticamente voltou. Em boa parte da Europa, as pessoas já andam sem máscaras e há público até na Eurocopa. Mas o Brasil ainda sofre com milhares de mortes e pessoas contaminadas pela doença, então eventos com grandes públicos estão proibidos.

Desta forma, muitos artistas deixaram o Brasil e focaram seus esforços no exterior. O maior exemplo recente é da cantora Anitta. A poderosa lançou Girl From Rio em um enorme evento em Miami e curtiu uma festa com centenas de pessoas, boa parte vacinada. A festa foi realizada no Strawberry Moon, um bar à beira da piscina do hotel The Goodtime.

Gusttavo Lima conseguiu faturar bastante com as lives e ainda fechou um contrato de R$ 192 milhões para realizar turnê em todo país em 2022. Porém, seu retorno aos palcos já está marcada para este ano. De 6 a 15 de agosto, ele estará no Embaixador Tour USA 2021.

O cantor sertanejo terá como público alvo os brasileiros que vivem na terra do Tio Sam e passará por diversas cidades, como: Orlando, Miami, Atlanta, Newark e Boston. Ele apresentará canções que fazem parte do Buteco. Não por acaso, ele já avisou ao público que não fará mais live neste ano.

Até sambistas buscarão oportunidades fora do Brasil e subirão ao palco com grande público. Diogo Nogueira é um dos nomes que está planejando a turnê. “É inacreditável estarmos passando por essa situação, pois não se trata somente de uma pandemia, que por si só é algo da maior gravidade, mas a negação da ciência é algo inacreditável. Mas como sempre, o povo brasileiro é guerreiro e vamos superar essa situação”, explicou ele ao jornal O Povo.

“No exterior, mantenho uma frequência boa de shows e já estamos montando uma turnê nos Estados Unidos que acontecerá no final do ano e em abril de 2022. Estou louco para reencontrar com o meu público, no Brasil e no exterior”, completou.

Artistas buscam alternativas

De Anitta a Gusttavo Lima: Artistas buscam trabalhos fora do Brasil durante a pandemia

A advogada de imigração Dra. Ingrid Domingues McConville, fundadora do escritório DM Visa Law, que trabalha nesta área há mais de 26 anos, explicou que o número de pessoas procurando ter o green cards aumento nos últimos meses. Ela detalha que isso ocorreu por causa do fim de contratos, lockdowns, proibição de shows e espetáculos.

“Teve um aumento na busca de artistas, que sem previsão de volta de apresentações, tem gerado mais pedidos de green card ou de interesse sobre ele durante a pandemia”, relatou. A advogada mora há 56 anos nos Estados Unidos e tem acompanhado de perto o crescimento desse mercado.

Rodrigo Santoro, Alice Braga, José Padilha, Wagner Moura, Silvio Santos, Carla Perez, Kaká, Giovanna Antonelli, Galvão Bueno, Larissa Manuela, Deborah Secco, entre outros artistas tinham residências por lá antes da pandemia. Anitta acabou de se mudar para Miami Beach.

Mas também tem cantores que não alcançaram enorme sucesso no Brasil que já tem turnê marcada em novembro, como é o caso de Matheus Lima. Ele cantará em Boston, Framigham e Nashua, Newark, Orlando  e Miami. “Temos ainda uma festa de réveillon particular em Honolulu, no Havaí, e seguimos aguardando confirmações de outras cidades, como New York, por exemplo”, comentou Tony Linard, empresário do artista, em entrevista ao Sopa Cultural, em maio deste ano.

Nego do Borel vem buscando emplacar seu nome nos Estados Unidos e tem visitado diversas boates norte-americanas. Ele tem recebido a ajuda do empresário Sultan, que estaria pagando os gastos dele fora do país, segundo o jornal Extra. Inclusive, o funkeiro chegou a conhecer DJ Purp, que trabalhou com Chris Bron.

Não é só a pandemia que afasta artistas

De Anitta a Gusttavo Lima: Artistas buscam trabalhos fora do Brasil durante a pandemia

Oportunidades de trabalhos estão fazendo artistas saírem do Brasil – Bruno Gagliasso e Giovanna Ewbank se mudaram para Portugal por conta de projetos profissionais, já que o ator gravou recentemente uma série para a Netflix na Espanha – mas há quem tem procurado outros países por conta da crise política.

Luana Piovani foi uma das primeiras pessoas que optou por sair do país para viver na Europa. O número foi crescendo e tem se tornado comuns vários brasileiros na Espanha, Inglaterra e Portugal. O incômodo com as crises políticas e o desmonte da área cultural no Brasil tem feito muitos profissionais artísticos buscarem novas alternativas.



Mais Notícias
Outros Famosos