Reportar erro
Revoltante

Ludmilla sofre ataques e apaga redes sociais: "24 horas por dia de comentários racistas"

Antes de desativar perfis, cantora desabafou

Ludmilla
Ludmilla foi atacada - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 19/12/2020 às 09:40:48

Ludmilla apagou suas redes sociais na última sexta-feira (18) por conta de ataques racistas que ela vem sofrendo. Antes de desativar seus perfis do Instagram e Twitter, funkeira desabafou ao revelar que os comentários discriminatórios acontecem com frequência. Ela explicou que tem criado um dossiê e irá denunciar todos os casos de preconceitos que está acontecendo.

“E daí para pior. Vocês não têm noção do que eu passo com essas pessoas. É 24 horas por dia de comentários racistas em todas as minhas postagens. Mas eu estou tirando print de tudo porque isso é crime e vai pagar um por um”, desabafou a cantora.

“Se eu deixasse minha conta com um de vocês só por um dia duvido que aguentariam seguir de cabeça em erguida com tantos comentários racistas que recebo todos os dias, das mesmas pessoas, criminosos escorados no virtual, vivem para ofender o outro”, acrescentou.

A artista mostrou alguns prints dos ataques racistas que sofreu nos últimos dias. Um perfil colocou emojis de cascas de bananas nos comentários. Após o desabafo, Ludmilla desativou seus perfis do Twitter e Instagram.

A dançarina Brunna Gonçalves, esposa de Ludmilla, também desabafou ao explicar o estado da cantora com os ataques racistas. “Vocês não têm noção de como eu fico vendo ela triste! Isso tem que acabar! Racismo é crime! Parem com isso! Estamos com você, Ludmilla”, declarou.

Ludmilla sofre ataques e apaga redes sociais: \"24 horas por dia de comentários racistas\"

Ludmilla sofre ataques e apaga redes sociais: \"24 horas por dia de comentários racistas\"

Ludmilla e o racismo

Os casos de racismo contra Ludmilla não é algo recente. No ano passado, ao vencer o Prêmio Multishow na categoria Artista do Ano, a funkeira foi chamada de “macaca” por um integrante da plateia. Pouco tempo depois, após expor uma espécie de dossiê contra Anitta, ela acabou sendo apelidada de maneira criminosa de “neguinha nojenta”.

Ela também saiu em defesa de amigos que foram vítimas de racismo, como é o caso do jogador Neymar. Após o craque do PSG acusar um adversário de racista, a cantora se posicionou ao lado do brasileiro. “Até quando? Racismo é crime! Fogo neles, Ney! Tamo junto sempre, você é f...!”, desabafou na ocasião.



TAGS:
Mais Notícias
Outros Famosos