Polêmica

Baixista do Simple Plan deixa banda após acusação de assédio sexual

David Desrosiers pediu desculpas aos fãs e avisou que vai se tratar

Baixista do Simple Plan deixa banda após acusação de assédio sexual
Baixista do Simple Plan - Foto: Reprodução

Publicado em 10/07/2020 às 09:37:00 ,
atualizado em 10/07/2020 às 09:44:26

Por: Redação NT

David Desrosiers, baixista da banda Simple Plan, foi expulso do grupo depois que ele recebeu acusações de assédio sexual. O músico afirmou que sua saída ocorrerá para que ele possa procurar ajuda profissional e “agir adequadamente daqui pra frente”. Ele também pediu desculpas para a suas vítimas.

"Recentes declarações públicas me levaram a reconhecer que algumas das interações que tive com algumas mulheres lhes causaram danos. Então, decidi me retirar da banda e procurar ajuda profissional para me educar e agir adequadamente daqui pra frente. Lamento verdadeiramente pelo mal que causei a essas mulheres", comunicou David em nota para a imprensa.

O Simple Plan também se posicionou e publicou um texto em seu perfil do Instagram. A banda lamentou o ocorrido, pediu desculpas para as mulheres que foram vítimas de David e também lamentou que os fãs estejam decepcionados com os músicos.

“Após declarações públicas recentes, David Desrosiers está se retirando da banda para tratar seus problemas pessoais. Pedimos nossas mais profundas desculpas às mulheres que foram feridas por suas ações”, comentou.

“Também lamentamos por todos os nossos fãs que estão decepcionados com esta situação lamentável. Como banda, teremos tempo para fazer uma pausa, refletir e implementar diretrizes para impedir que situações semelhantes aconteçam”, concluiu.

Entenda o caso

Através da conta do Instagram da Victims Voices Montreal, uma mulher postou um comentário em francês denunciando o baixista. “Ele começou a fazer piadas comigo quando eu era menor de idade. Aí, eu me tornei maior de idade e ele começou a me perseguir para me beijar. Eu nunca tinha dormido com um homem na minha vida. Tivemos sexo consensual, mas ele começou a convidar os amigos dele para participar do que ele chamava de 'viagens de bunda', das quais eu não queria participar”, disparou.

"Por causa da exposição, eu não disse nada. Ele também já havia me ameaçado quando eu falei que ia à polícia contar como ele agia. Sempre me deu muito medo menosprezá-lo, porque ele dizia: 'como você se atreve a me dizer não?”, relatou a vítima.

"Ele escolhe sua vítima entre as fãs de sua banda, pois elas são silenciosas e acreditam que a maneira como ele as trata é normal. Ele ameaça: ameaça impedir uma fã de ir a um show ou a tira da sala, caso ela tenha feito algo que ele não gosta”, concluiu.





LEIA TAMBÉM

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!