Posicionamento

Chico Pinheiro dispara: "Falta o Twitter começar a bloquear os robôs bolsonaristas"

Afastado do Bom Dia Brasil, jornalista comentou sobre os tuítes apagados do presidente


Chico Pinheiro e Jair Bolsonaro
Chico Pinheiro falou sobre tuítes apagados de Bolsonaro - Foto: Montagem

O jornalista Chico Pinheiro, que está em quarentena e não vem apresentando o Bom Dia Brasil nas últimas semanas, posicionou-se na madrugada desta segunda-feira (30) sobre a ação do Twitter em apagar duas publicações do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e deu outra sugestão para a rede social.

“Agora falta o Twitter começar a bloquear os robôs bolsonaristas, os fanáticos da seita e os adeptos do grande escritório do crime”, disparou o apresentador. A postagem ganhou milhares de curtidas e causou repercussão entre os seguidores do jornalista, dividindo opiniões.

“Chico, o Twitter foi adquido pelos Chineses, que, juntamente com a Globo, estão provocando mortes em todo o mundo, somente para derrubar o Bolsonaro e impregnar o comunismo pelo Mundo”, escreveu um internauta. “Ele tem que ser bloqueado, deletado e eliminado também da presidência da república”, comentou outra fã de Pinheiro.

O comentário do jornalista aconteceu após duas publicações de Bolsonaro terem sido apagadas por “violar as regras do Twitter”. A administração da empresa explicou que ampliou suas diretrizes para não permitir que sejam postados conteúdos contrários às informações de saúde pública durante a pandemia do novo coronavírus.

As publicações retiradas da rede social mostravam em vídeo a visita que o presidente fez a Sobradinho e Taguatinga, em Brasília, indo contra aos pedidos do Ministério da Saúde e da OMS (Organização Mundial da Saúde), que recomendam o isolamento social para barrar a proliferação da doença.

Confira a repercussão:

Chico Pinheiro afastado do Bom Dia Brasil

O apresentador está afastado do Bom Dia Brasil desde a semana passada por fazer parte do grupo de risco do novo coronavírus, já que tem 66 anos. Chico Pinheiro terá que ficar em quarentena por tempo indeterminado.

O jornalista não foi o único que precisou deixar o comando de um telejornal da Globo. Carlos Tramontina, que comanda tradicionalmente o SP2, também se afastou para seguir as recomendações dos especialistas.

Mais Notícias
Outros Famosos