Naldo rebate acusação sobre ter obrigado ex-mulher a abortar quatro filhos: "invenção"

Reprodução

Publicado em 10/03/2018 às 15:36:55 ,
atualizado em 10/03/2018 às 16:19:51

Por: Redação NT

Mais barraco envolvendo Naldo Benny e sua ex-mulher, Branka Silva.

Em nova entrevista ao programa "Superpop", de Luciana Gimenez, na RedeTV!, Branka revelou que foi obrigada por Naldo a abortar quatro vezes, enquanto estava casada com o funkeiro.

"Abortei quatro filhos porque ele pediu, porque ele me obrigou. A situação financeira não era boa", disse ela na última quinta-feira (8).

Naldo usou suas redes sociais para negar veementemente a acusação. "Todo mundo sabe que é responsabilidade da mulher se cuidar, tomar pílula... Não tenho responsabilidade nenhuma sobre o aborto que ela fez por contra própria. Eu não concordo com isso, não sou a favor... Eu sou a favor da família. Todo mudo sabe do amor que eu tenho pelo meu filho e pela a minha filha, por criança, por amar a vida. Isso é mais uma história que ela inventou", garante ele, pai de Pablo Jorge, de 19 anos, que teve com Branka, além de Maria Vitória, de 3 anos, com Ellen Cardoso.

O cantor disse que a ex não gosta de ver sua fecilidade e por isso inventa as coisas. Recentemente, Naldo reatou seu casamento com a Mulher Moranguinho, que o acusou de agressões em dezembro.

"Pare e pense que toda vez que eu respondo uma coisa, ela aparece com outra. Já respondi com documentos muitas coisas das quais ela me acusou. A questão da Justiça que eu já ganhei, está tudo resolvido. Isso não vai acabar nunca e acabou virando novela mexicana. A verdade é: quero paz, quero estar aqui com a minha mulher e os meus filhos, e ela não me deixa em paz. Parece que a infelicidade dela é a minha paz, o meu sorriso. Aguarde que daqui a pouco ela vai inventar mais coisas. Ou seja, ela sempre aparece com alguma história. Se eu fizer mais sucesso, ela vai inventar mais história", bradou.

Naldo Benny voltou a acusar Branka Silva de ser estelionatária, vendendo um apartamento para duas pessoas diferentes.

"Dei dois apartamentos, ela vendeu dizendo que era para fazer obra na casa que ela comprou com o dinheiro da pensão (alimentícia que eu dava pra ela). Ela vendeu um dos apartamentos para duas pessoas ao mesmo tempo e deu um golpe de estelionatário", disse, publicando ainda um vídeo com depoimento de um dos compradores falando sobre o suposto golpe.



publicidade

TAGS:

LEIA MAIS

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

publicidade