Naldo diz que "pagou caro" por agredir Moranguinho e acusa ex de estelionato

Barraco envolvendo Naldo, Moranguinho, ex-mulher e filho rende nesta semana

Reprodução

Publicado em 02/02/2018 às 16:09:55 ,
atualizado em 02/02/2018 às 16:32:46

Por: Redação NT

Em um novo capítulo, depois de Branka Silva e Ellen Cardoso baterem boca no "Superpop", da ex-mulher de Naldo atacar Moranguinho e do filho Pablo Jorge detonar a própria mãe, agora foi a vez do cantor se pronunciar sobre todas as polêmicas.

Em um longo vídeo publicado no YouTube, com o título de "A verdade pura", Naldo Benny falou sobre vários assuntos que circularam pela imprensa e nas redes sociais nos últimos dias. Antes, abordou a agressão que cometeu contra a esposa, em dezembro.

"Quero deixar claro que não gostaria de passar, novamente, por esse momento desconfortável. Mas gostaria de pedir desculpa para o pessoal que me acompanha, ama o que eu faço", disse.

Naldo afirmou que "pagou um preço muito caro" pelo que fez. "A gente ainda não voltou. Reconheço e não concordo com tudo que eu sofri por isso. Também sofri por isso. Acredito que em mulher não se bate nem com flor", garantiu. "Ando na rua com a cabeça baixa, tenho vergonha das pessoas. Não posso olhar a minha mulher a hora que eu quero, não posso ver minha filha na hora que desejo", prosseguiu.

O funkeiro disse que reconhece os erros e busca melhorar. Desde a denúncia, faz sessões de terapia e tratamento espiritual na igrjea. Quer se recuperar para servir de exemplo e poder ajudar pessoas que passam pelo mesmo problema. "Sei que tem pessoas que passam por isso e não sabem como conseguir uma ajuda. Eu vou em busca de tentar ajudar essas pessoas, porquê sofre família, filhos, sofre todo mundo", finalizou o assunto.

Já sobre a ex-mulher, Branka Silva, Naldo contou que ele e Moranguinho vão processá-la por ter sido chamada de prostituta no Instagram. "Entramos com um processo hoje de difamação e calúnia. Eu queria que ela me mostrasse quem foi que pagou para fazer programa com a Ellen? Temos oito anos juntos, e eu não tenho uma vírgula para falar da Ellen. Só ela que fala que a Ellen é prostituta. Isso não é verdade, e essa questão é muito ruim. Ellen já moveu um processo criminal contra ela", disse.


publicidade

O cantor garantiu e até mostrou algumas provas que teria contra Branka sobre tentativas de golpe e estelionato para vender os dois apartamento que deu para ela na época da separação.

"Em 2010, quando eu me separei, o que eu tinha de bem eram três apartamentos. Um é alugado e esse valor vai para o meu pai. E os outros dois eu dei para a mãe do meu filho, que na realidade era para ser do meu filho. Então, ela vai para a televisão dizer que não tem casa nem ajuda minha, porque ela vendeu esses dois apartamentos. Ela vendeu o mesmo apartamento para duas pessoas. Tenho a prova aqui de um dos compradores que fez um registro na delegacia acusando ela de estelionatária. Também tenho uma prova de que ela faz falsificação de bebida para vender", detonou. "A minha imagem acaba sendo arranhada, e eu sempre cumpri com a minha obrigação", destacou.

Naldo confirma que pagou durante mais um de ano cerca de R$ 30 mil de pensão para o filho que teve com Branka. "Depois o meu filho quis se emancipar e vir morar comigo, porque ele viu que tudo o que estava acontecendo com o dinheiro que era pra ser dele, e não foi. Ela nunca prestou conta desse dinheiro" disse. "Meu filho me contou que com o dinheiro da pensão, ela comprou um carro para o ex-marido", completou.

Ainda no vídeo, Naldo Benny fez questão de mostrar que, quando se separou de Branka Silva, em 2010, fazia shows ganhando cachê de até 2 mil reais. "Dei os dois apartamentos pra ela, e fui morar por um ano e meio em uma quitinete com a Ellen, que veio de São Paulo. Pra ela (Branka), estava tudo tranquilo. Quando eu explodi de verdade, o meu show não era mais R$ 1 mil, R$ 2 mil, juntei dinheiro pra comprar uma casa e anunciei o meu casamento, aí o bicho pegou. Não sei de ela tem a vontade que a gente volte, só sei que eu fui colado como um mostro na imprensa, com um cara que só errava", desabafou.

Por fim, Naldo comentou ainda que precisou se separar de Branka no litigioso, e mostrou o documento: "Ela não queria assinar o divórcio. O juiz bateu o martelo e diz: 'de 2010 pra frente, o que você conquistou é seu, você não deve nada pra ela, siga a sua vida'".



publicidade

LEIA MAIS

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

publicidade