Sandro Nascimento
Reportar erro
Coluna do Sandro

Juliana Paes toma atitude no Carnaval que a torna exemplo para rainhas de bateria no Rio

Coluna do Sandro conta os bastidores da Sapucaí no Carnaval

Juliana Paes na Sapucaí
Fotos: NaTelinha
Sandro Nascimento

Publicado em 06/03/2019 às 13:41:42

Dentre todas as rainhas de bateria das escolas de samba do Rio de Janeiro que são famosas na televisão - leia-se atrizes e apresentadoras - Juliana Paes foi a mais acessível e respeitosa com a imprensa que cobriu o domingo (03) e segunda-feira (04) de Carnaval. O NaTelinha esteve presente.

Rainha de bateria pelo segundo ano consecutivo da Grande Rio, ela chegou 40 minutos antes de desfilar e se posicionou num espaço improvisado para atender a todos os pedidos de entrevistas e fotos. Não fugiu de nenhuma pergunta, respondeu desde sobre sua fantasia até ao boato de "dark room" na Globo.

Mas não foi só com a imprensa que Juliana Paes agiu desta forma: a global atendeu todos os pedidos de selfies de fãs e componentes da Grande Rio.

A atitude da atriz foi elogiada em conversas na sala de imprensa do sambódromo do Rio.

Trazendo no currículo o protagonismo da próxima novela das 21h da Globo, "A Dona de Pedaço", Juliana Paes serve como exemplo para outras rainhas de bateria, que, todo ano, não entendem ou não querem entender o trabalho de profissionais que realizam a cobertura do carnaval.

Sabrina Sato

No caso de Sabrina Sato, rainha de bateria da Vila Isabel, ela sempre busca atender a imprensa, mas chega na avenida em cima da hora do desfile e cercada de seguranças truculentos da escola.

Todo ano sabem que ela terá o assédio da imprensa quando chega na concentração, então poderiam muito bem se posicionar antes para atender todo mundo, assim como fez Juliana Paes e Grande Rio.

Bastar organizar e todos ficariam felizes. Mas sempre se torna uma bagunça da Vila Isabel com truculentos seguranças em cima dos jornalistas. Fica feio.

Viviane Araujo vs Gracyanne Barbosa

Entre as duas rivais, Gracyanne Barbosa foi bem mais acessível com a imprensa quando desfilou na União da Ilha. No Salgueiro, Viviane Araújo falou, porém, dificultou muito os pedidos de entrevistas e fotos.

À coluna, coleguinhas que cobrem Carnaval relataram uma mudança para pior no comportamento de Viviane com fotógrafos e jornalistas, de uns tempos para cá. Qual o motivo disso?

Falando em Viviane Araújo...

Juliana Paes toma atitude no Carnaval que a torna exemplo para rainhas de bateria no Rio

A atriz virou alvo de polêmica com o comentarista Milton Cunha, da Globo. Ele deduziu que Viviane estivesse usando perucas confeccionadas com crinas de cavalos.

Sua declaração se tornou motivo de manifestações de entidades protetoras dos animais. Porém, mais tarde, o responsável negou a utilização de animais.

"Eu trabalho somente com cabelos humanos. Precisei rodar o Brasil para achar esse cabelo raro e valioso para a Vivi. Nós somos amigos dos animais, não usamos cabelo sintético ou de crina de cavalo", garantiu Luiz Crispim, conhecido por seu trabalho com perucas, próteses capilares, alongamentos e apliques.

Além disso, revelou que precisou utilizar cabelo humano para confeccionar quase dois metros de perucas para Viviane Araújo. Esclarecido.

Bastidores dos bastidores do Carnaval

A RedeTV! investiu alto na cobertura dos bastidores dos desfiles das escolas de Samba do Rio de janeiro com seu "Bastidores do Carnaval". A emissora designou duas equipes só para o o setor da concentração na Marquês de Sapucaí.

Era tanta gente que tinha até o cargo do "cabide de microfone" para a repórter não se cansar. Aliás, era grande a disputa entre eles para quem conquistava as melhores entrevistas no Carnaval. A coluna viu cenas de gente reclamando do coleguinha de emissora que estava levando vantagem na cobertura.

Curiosamente, este ano a RedeTV! fez inúmeros transmissões ao vivo dentro da concentração. A Globo tá boazinha.

Camarotes

Foi percebida uma queda brusca de famosos que optam em desfilar nas escolas de samba em 2019. Enquanto isso, os camarotes ficaram lotados.

Neste ano, o camarote do UOL teve o maior número por metro quadrado de globais na avenida. Foi o mais concorrido entre os artistas.

Nicolas Prattes

Juliana Paes toma atitude no Carnaval que a torna exemplo para rainhas de bateria no Rio

Sempre ao lado da mãe, Giselle Prattes, o galã Nicolas Prattes foi presença nos dois dias do Carnaval no camarote Arpoador.

No domingo (03), foi parceiro de Giselle durante o desfile na Grande Rio.

"Eu vim prestigiar o sonho da minha mãe sendo realizado, que era de pisar na Sapucaí, desfilar por uma escola. A gente vinha os outros anos e ela sempre me pedia para trazê-la para acompanhar esse espetáculo de perto", contou Nicolas Prattes à coluna.

Atento a todos os detalhes, o próprio ator levou o costeiro da mãe para a avenida e ajudou na sua colocação.

Sheron Menezzes e o amor pela Portela

Juliana Paes toma atitude no Carnaval que a torna exemplo para rainhas de bateria no Rio

Sem tempo para se dedicar aos ensaios, Sheron Menezzes não deixou de desfilar na Portela e entrou antes da escola como convidada.

"Todo ano eu recebo convites de outras escolas mas eu não consigo. Todo ano eu falo que não vou desfilar, mas eu também não consigo", contou a atriz.

"Eu não conto ponto pra escola. Eu venho antes. Realmente represento meu amor pra Portela. Eu venho todo ano neste lugar depois de sair rainha de bateria. Porque eu não consigo largar essa escola. Com filho no ano passado bebezinho e esse ano ainda um bebê, eu não consigo me doar 100%. Então, esse lugar que deixa eu mostrar meu amor, receber o amor de volta. Eu tô ali, não vou incomodar e não vou atrapalhar. Só vou somar", completou.

Glória Pires

Para desfilar na Portela, que homenageava Clara Nunes, Glória Pires chegou na avenida ao lado do marido, Orlando Morais, cercada pela equipe de apoio da escola.

Ela saiu no terceiro carro como mãe de Clara Nunes. No percurso da concentração até seu posicionamento no sambódromo, recebeu declarações apaixonadas de fãs.

Mais Notícias