Coluna do Sandro

Por que Silvio Santos deixou passar a chance de levar Luiz Bacci para o SBT?

Luiz Bacci e Silvio Santos abraçados
Silvio Santos sempre falou bem de Luiz Bacci, mas por que não o contratou?

Publicado em 08/02/2019 às 06:30:36

Por: Sandro Nascimento

A tranquila renovação do vínculo de Luiz Bacci com a Record TV por mais três anos, divulgada na última terça-feira (05), demonstrou além do prestígio do jornalista com a emissora, a falta de interesse de Silvio Santos no passe do "menino de ouro".

Historicamente, o dono do SBT sempre foi atrás de quem interessa para integrar o casting da sua emissora. Nem mesmo a vigência de contratos de artistas com outros canais foi um empecilho para os assédios de Silvio.

Foi assim com Ratinho, Leão Lobo, Mamma Bruscheta, Danilo Gentili, Ana Paula Padrão e até uma sigilosa negociação, não concretizada, com Datena. Em fevereiro, Bacci estava no fim do seu compromisso com a Record TV, e levá-lo para o SBT não exigiria nenhuma peripécia jurídica.

Ao longo de algumas edições do seu programa semanal, Silvio Santos deixava indícios de que estaria interessado no passe do titular do "Cidade Alerta".

Pelo jeito, tudo não passava de uma grande brincadeira. O apresentador e também empresário não costuma desperdiçar uma boa oportunidade de negócio rentável.

Atualmente, Luiz Bacci é um figura importante na construção da grade do horário nobre da Record TV. Nos últimos meses, sua audiência vem ameaçando a novela das seis da Globo, "Espelho da Vida", e contribuindo para a elevação da média-dia de audiência do canal.

Mas como todo programa policialesco, o "Cidade Alerta" não é um produto que traga um bom faturamento à emissora. Existe uma fuga pelo gênero, entre empresas importantes, no momento que decidem canalizar seus investimentos no veículo televisão.

Para concorrer com o "Cidade Alerta", o SBT exibe a novela mexicana "Teresa" e a reprise da infantil "Carrossel". Produtos que enfrentam dificuldade de se manter à frente da Record TV, mas que possuem um potencial maior para atrair o interesse do mercado publicitário.

Nenhuma agência indica ao seu cliente veicular campanhas no intervalo de um programa que exibe tragédias, sequestros, tiros, perseguição de bandido e que beira o sensacionalismo.

Aliás, o SBT já possui um espaço de quatro horas, no período da manhã, dedicado a este tipo de conteúdo com o "Primeiro Impacto".

Mensurando esta realidade e privilegiando o faturamento do SBT, pode ser o caminho da resposta de Silvio Santos em ter deixado a chance de levar o jornalista impulsionado por Marcelo Rezende para seu canal. Se de fato ele almejasse, esse seria o melhor momento.

O jornalista Sandro Nascimento assina colunas e reportagens exclusivas no NaTelinha. Também é correspondente da agência de notícias ZOOMINTV. Twitter: @SandroNascimm / E-mail: sandro@natelinha.com.br


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!