Reportar erro
Oloco, bicho!

Tiago Leifert fala em "missão cumprida" e revela bastidores para substituir Faustão

Apresentador detalha saída da Globo

Tiago Leifert chorando no Mais Você
Tiago Leifert relembra quando assumiu o Domingão - Foto: Reprodução/TV Globo
Redação NT

Publicado em 10/09/2021 às 11:17:06,
atualizado em 10/09/2021 às 11:35:12

Tiago Leifert tomou café da manhã com Ana Maria Braga na manhã desta sexta-feira (9) e falou, além de sua saída da Globo, sobre "missão cumprida" na emissora e quando substituiu Fausto Silva à frente do Domingão (1989-2021). "Era uma quinta-feira. 'Onde você tá?'. Tô em São Paulo. Eu ia na casa da minha mãe. Tô indo almoçar. 'O Faustão tá doente. Ele não vai ficar pronto pra amanhã. Você faz o programa dele amanhã'", relembrou.

"'Ele tá por dentro do assunto e quer você'. Tem Videocassetadas? Talvez precise de ajuda, chama o Ed Gama. Conheço o programa de trás pra frente. Topei, vim. Falei, pessoal: 'Finge que sou o Faustão. Me dá aquela fichinha, me imprime aquele negócio. Me fala o que eu tenho que fazer, que me encontro aqui'", continuou ele, pedindo para que tudo fosse feito exatamente como Faustão fazia.

Para Leifert, aquele foi um dia inesquecível: "Amei aquele domingo, foi muito legal, muito divertido, gostoso de fazer. Tava preocupado com o Fausto. O Fausto tava doente. Consegui falar com ele, vi que tava legal. E aí tava pra terminar, durante a Dança, foi quando eu tive as conversas sérias com a Globo. A Globo queria que eu ficasse, cogitei vários cenários, mas estava determinado".

A saída de Tiago Leifert da Globo

O apresentador comemorou o fato da notícia de sua saída não ter vazado. "Não vazou em lugar nenhum, foi uma coisa muito restrita. No esporte eu fiz a mesma coisa, ganhei e consegui. Missão cumprida." Ele narra, que antes de tudo isso, ninguém acreditou no seu potencial.

"Tinha esse formato na cabeça [do Globo Esporte sem TP]. Todo mundo falou que não ia dar certo. Ninguém. Não era ideia deles e eu era mais novo também. Havia saído do SporTV havia três meses, mas não me deixei abalar. Eu adorava fazer, mas precisava declarar vitória. E agora a mesma coisa: preciso declarar. Tiago, deu certo, parabéns. Todas as vezes falaram que não ia dar certo. Não sabe nada de música, botaram no BBB, imagina, nada a ver."

Tiago Leifert

Ele conta que já assistia o BBB antes como fã: "Anos e anos eu vi. Tive a mesma postura que tive no Globo Esporte. Pensei bastante e cheguei a conclusão que era o seguinte. Se fosse o primeiro BBB da história, como eu faria? O que eu entendo, o que eu gosto dele? Romper com o que foi feito. Assim que você determina, aí você olha: isso é tradição, isso a gente pode evoluir. Aproveitando o texto de terça, porque a gente gosta. Vou adaptar do meu jeito, mas a gente faz. O Jogo da Discórdia mudou. A Prova do Anjo comecei a fazer, antes era feito por uma voz. O Big Brother ficou mais jogado".

"Mergulhei no Big 21. Todo mundo falava que não tinha como fazer um Big maior que o 20. Vou fazer mais um e depois penso de novo. Foram 100 dias na loucura e tava muito feliz fazendo. Todas as 3 primeiras semanas de BBB vão ser difíceis. A reentrada na atmosfera também. As três primeiras foram difíceis, mas a gente tá muito cascudo. A gente sabe segurar aquele jogo, tivemos problemas com a Karol, Lucas, mas a gente sabia o que precisava ser feito. Não pensei em sair no meio da temporada."



Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Participe do grupo
Mais Notícias