Reportar erro
Crítica

Datena reage sobre STF declarar Moro parcial no caso Lula: "O crime compensa"

Apresentador ficou indignado com a decisão do Supremo Tribunal Federal

Datena durante o Brasil Urgente
Datena detona decisão do STF. Foto: Reprodução

Redação NT

Publicado em 23/03/2021 às 20:40:00

Durante o Brasil Urgente desta terça-feira (23), José Luiz Datena reagiu sobre a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) em declarar Sergio Moro parcial no caso de Lula na Lava Jato. Ao anunciar a notícia sobre a resolução do STF, o apresentador detonou o ex-juiz e afirmou que todos os presos na Lava Jato poderão pedir anulação do processo já que Lula teve essa decisão favorável a ele.

"Essa decisão do Supremo zera todos os casos, não só o do Lula não. O Moro foi considerado suspeito em todos os casos, Tudo volta à estaca zero do que foi investigado até agora. Você não pode chamar nenhum desses caras (que estão presos) de bandido porque o Supremo decidiu que o Moro é suspeito no caso do Lula, daqui a pouco todos esses caras vão reivindicar jurisprudência formada", opinou Datena.

"Aí vem Eduardo Cunha, aí vem um tanto de gente... O Lula mais do que nunca pode ser candidato e os outros vão reivindicar, mesmo tendo roubado ou não. Quando eles foram julgados, é possível que a gente tenha morrido. Eu vou pra minha casa também. Não adianta nada você ficar gritando aqui na televisão, melhor ir pra casa", afirmou o apresentador.

Datena fica indignado com STF

Datena ficou revoltado com a decisão do Supremo Tribunal Federal e criticou, respeitosamente, a resolução do STF sobre o Moro.

"Eu estou de saco cheio de ficar falando aqui e, de repente, não adianta nada os caras roubaram milhões do Brasil. Empresários corruptos, políticos corruptos e todos eles vão pagar de bonzinhos até investigarem tudo, já esqueceram. O Brasil foi saqueado, não tem dinheiro pra dar auxílio emergencial, mas pra roubar tem, né?!", disse.

"Com todo direito de discordar e com todo respeito que eu tenho pelo Supremo, eu discordo completamente dessa decisão. O crime compensa no Brasil", finalizou o apresentador. Recentemente, Datena soltou o verbo contra ministro de Bolsonaro ao vivo: "Governa pra rico". Em outra ocasião, o apresentador detonou Lula ao vivo.



Mais Notícias