Reportar erro
Saúde

Apresentador rodízio do Jornal Nacional contrai Covid-19

"Estou travando uma das batalhas mais duras que já passei nessa vida", disse

Apresentador rodízio do Jornal Nacional contrai Covid-19
Fabian Londero, representante de SC no rodízio regional do JN, suspenso pela pandemia. Foto: Raquel Cunha/TV Globo

Redação NT

Publicado em 23/02/2021 às 20:51:59

O jornalista Fabian Londero, representante de Santa Catarina no rodízio de apresentadores eventuais do Jornal Nacional, está com Covid-19. A informação foi divulgada nesta terça-feira (23), durante o NSC Notícias, jornal que ele comanda na NSC TV, afiliada da Globo em Florianópolis. No Instagram, ele relatou que enfrenta "uma das batalhas mais duras" de sua vida.

Na postagem, Fabian não cita Covid. Ele publicou uma foto com uma pulseira, feita por sua filha, com a palavra Strong (Força, em inglês). "No mais puro gesto de amor e carinho, minha filha fez para mim durante a noite e nos deixou com um bilhete por baixo da porta. Minha fé inabalável, assim como minha força em lutar pelo que mais amo nessa vida, minha família, minha base, meu porto seguro. Estou travando uma das batalhas mais duras que já passei nessa vida e vou vencer", disse.

"Assim que eu tiver condições melhores falarei com vocês, meus amigos virtuais. Até lá, agradeço muito as orações dos amigos mais próximos. Vou voltar bem e ainda mais forte!", concluiu em seu relato.

Já durante o NSC Notícias, a apresentadora subsituta, Marina Dalcastagne, foi responsável por comunicar a situação do colega, enquanto mostrava dados atualizados sobre a Covid-19 em Santa Catarina. "Entre esses inúmeros casos ativos, a gente tem o nosso colega, Fabian Londero, que está se recuperando em casa. Claro que, daqui, a gente está mandando boas energias", comentou.

Fabian Londero integra o rodízio do JN, suspenso pela pandemia

De 48 anos, Fabian Londero foi um dos jornalistas selecionados para o projeto de 50 Anos do Jornal Nacional, em 2019, que colocou apresentadores locais para comandar o programa aos sábados, em esquema de rodízio. A primeira (e única) edição apresentada por ele foi em 12 de outubro de 2019, na companhia de Aline Ferreira, da Rede Amazônica, do Amapá.

Em 2020, ele foi integrado oficialmente ao rodízio de sábado, assim como outros jornalistas, como Márcio Bomfim (Pernambuco), Jéssica Senra (Bahia), Aline Aguiar (Minas Gerais) e Marcelo Magno (Piauí). No entanto, com a pandemia do novo coronavírus, o projeto foi suspenso temporariamente, até que a situação seja controlada no Brasil.

A Globo foi obrigada a rever seu planejamento e utilizar nos plantões do Jornal Nacional apenas pessoas da própria Globo no Rio de Janeiro, vetando até mesmo nomes de São Paulo e de Brasília, recorrentes nos jornais de rede. 

Mais Notícias