Reportar erro
Novo tempo

Globo muda vinheta de final de ano e tira abraços em função da pandemia

Emissora também teve cuidado redobrado e respeitou todos os protocolos de higiene para as gravações

Artistas da Globo em vinheta Novo Tempo
O time da Globo em campanha de final de ano - Divulgação/TV Globo
Redação NT

Publicado em 02/12/2020 às 11:45:57

"Hoje é um novo dia, de um novo tempo, que começou...". Esse verso é ouvido por milhões de pessoas diariamente nos finais de ano da Globo há anos e muitos se perguntaram como a emissora faria em 2020, já que não pode reunir seu elenco devido a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). A solução encontrada foi lançar uma campanha onde o canal ensina o brasileiro a abraçar o novo tempo.

Com técnicas de pós-produção e linguagens como animação, stop-motions e colagens, a Globo tirou os abraços. A peça estreou depois de A Força do Querer nessa terça-feira (1º). "A campanha de fim de da TV Globo é uma espécie de trilha sonora do balanço que todos nós fazemos quando chega dezembro. Este ano estamos mais reflexivos do que nunca", avalia Amauri Sores, diretor da Globo.

Para ele, a campanha de 2020 ganha um significado ainda mais especial. "A versão deste ano foi totalmente adaptada para o atual momento. Todos nós vamos nos emocionar muito", explica ele.

O futuro já começou e o cuidado redobrado

Globo muda vinheta de final de ano e tira abraços em função da pandemia

Para dar vida à campanha, atores, jornalistas e apresentadores se dividiram em mais de 100 gravações remotas e presenciais, sempre individuais ao som de Um Novo Tempo. A canção também sofreu uma alteração inédita e foi adaptada. Um trecho da letra, em vez de entoado pelo elenco, foi substituído por uma narração de Regina Casé.

"Abraçar sintetiza muitos desejos dos brasileiros nesse momento, mesmo que, por enquanto muitos abraços ainda dependam da imaginação ou de técnicas de animação, como na mensagem deste ano. Abraço é resposta ao desejo do encontro, do toque, sinônimo de alegria, de amor e de esperança. E falar sobre tudo isso, pensar em um novo tempo nunca foi tão necessário. Vamos juntar construir um futuro com a esperança de dias melhores, em que poderemos nos encontrar novamente, olhar nos olhos e dar um abraço demorado em quem a gente ama", comenta Sergio Valente, diretor da Marca & Comunicação da Globo. E ele traduz a ideia da campanha: "Um convite para que as pessoas abracem, imaginação, a criatividade e o talento, junto com a gente".

A quantidade reduzida de pessoas nas gravações foi uma realidade. Por questões de logística e para preservar a saúde de todos, participaram das gravações apenas alguns representantes de atrações que foram ao ar em 2020 e as previstas para 2021.

Confira o resultado da campanha da Globo:

Mais Notícias