Reportar erro
Ataque

Crivella fala "Globo lixo" na CNN e é repreendido por Monalisa Perrone

Prefeito do Rio de Janeiro atacou emissora durante entrevista ao vivo

Monalisa Perrone repreende Marcelo Crivella no Expresso CNN
Monalisa Perrone repreende Marcelo Crivella no Expresso CNN - Foto: Reprodução/CNN Brasil
Paulo Pacheco

Publicado em 17/11/2020 às 21:01:01

Candidato à reeleição no Rio de Janeiro, o prefeito Marcelo Crivella (Republicanos) atacou a Globo durante entrevista à CNN Brasil, nesta terça-feira (17). O bispo licenciado da Igreja Universal do Reino de Deus chamou a rival da Record de "Globo lixo" e foi repreendido pela apresentadora Monalisa Perrone.

O sobrinho do bispo Edir Macedo, líder da Universal e dono da Record, xingou a Globo quando elogiou o combate à Covid-19 na capital fluminense. Crivella ainda falou para os telespectadores não acreditarem no que a "Globo lixo" informa em seus telejornais.

"Nós tivemos... 0,1% da nossa população morreu, enquanto a Globo lixo dizia que nós iríamos perder 3% da população", disse o atual prefeito do Rio. "Essas coisas são meramente, eu diria a vocês, factoides. Tudo que você vê na Globo lixo, pode ter certeza que se for olhar com a lupa vai ver que é factoide, sobretudo quando repercute pesquisas do Ibope", prosseguiu Crivella, reforçando a ofensa à emissora rival da Record.

O bispo ainda chamou Eduardo Paes, que disputa o segundo turno com Crivella, de "candidato da Globo". O ex-prefeito não compareceu ao debate da CNN, por isso o formato foi alterado para uma sabatina. Quando Crivella encerrou sua fala, Monalisa Perrone o orientou a não atacar "pessoas ou instituições", referindo-se indiretamente à emissora onde trabalhou até 2019.

"Candidato, para reiterar, esse é um momento propositivo. Então, qualquer tipo e ataque a qualquer pessoa ou a qualquer instituição não é bem-vindo, para pontuar. De fato, o momento e o espaço são importantes para que as pessoas escutem a suas propostas", afirmou a apresentadora.

Assista ao vídeo de Marcelo Crivella na CNN Brasil:

Mais Notícias