Luto

Morre o primeiro funcionário de TV vítima do coronavírus

Editor de vídeo tinha mais de 30 anos de emissora

Morre o primeiro funcionário de TV vítima do coronavírus
Funcionário do SBT morreu de coronavírus - Foto: Reprodução/Facebook

Publicado em 13/04/2020 às 13:50:12

Por: Naian Lucas com Sandro Nascimento

José Augusto Nascimento Silva, funcionário do SBT de 57 anos, morreu nesta segunda-feira (13) vítima do novo coronavírus. Ele estava internado há mais de duas semanas em estado grave no Hospital Badim, localizado na Tijuca, Rio de Janeiro.

Na última sexta-feira (10), a vítima teve uma parada cardiorrespiratória e foi levado para a UTI (Unidade de Terapia Intensiva).  Ele estava com suspeita de coronavírus e o exame realizado deu positivo para a Covid-19, colocando-o no grupo de pessoas que morreram com a doença. José Augusto Nascimento Silva era considerado prata da casa do SBT Rio. Ele era editor de imagens e atualmente era o responsável pelo acervo da emissora.

Com mais de 30 anos de SBT, ele é o primeiro profissional da imprensa brasileira a falecer. Procurada pelo NaTelinha, a assessoria de comunicação do canal confirmou a morte de um editor de imagens, entretanto, não informou o nome do funcionário. A emissora ainda reforçou que está dando toda a assistência para a família. Além dele, a reportagem apurou que um terceirizado do SBT Rio está internado em estado grave.

Um colega de trabalho de José lamentou o falecimento dele. "Eu tô muito arrasado. Mal mesmo. Uma pessoa muito querida se foi por causa dessa doença. Uma pessoa inteligentíssima, que amava a vida e era muito querido. Quando isso acabar, se acabar, nunca mais seremos os mesmos", escreveu nas redes sociais.

O NaTelinha noticiou no dia 05 de abril que 44% da equipe de jornalismo do SBT no Rio de Janeiro estava afastada por conta do coronavírus, incluindo Silva. Os que continuaram trabalhando afirmaram que viviam um drama com temor de contrair a doença nas dependências do canal. Diante do problema, a diretoria contratou uma equipe de desinfecção para a sede carioca, porém, jornalistas apontam que o local tem pouca ventilação e possui um ambiente perfeito para a proliferação da Covid-19.

Coronavírus: Problemas na sede do SBT no Rio

De acordo com relatos ouvidos, existe a reclamação que o alto comando do SBT Rio demorou a tomar providências internas mais duras na prevenção do coronavírus. Entre os empregados, existe uma dúvida se alguém da equipe frequentou a redação de jornalismo com a Covid-19 e não avisou imediatamente a diretoria.

Ao NaTelinha, funcionários apontaram que o antigo prédio tem vários problemas estruturais. Pela redação ser pequena, mesmo sendo higienizada, basta um profissional estar contaminado que levaria o coronavírus para outros empregados no dia a dia de trabalho. "O ar não circula", reclamou uma fonte à reportagem na época.

Na ocasião, a assessoria do SBT enviou o seguinte comunicado: "Estamos tomando todas as precauções cabíveis e acompanhando caso a caso. A emissora está dando assistência a todos".


Siga o NaTelinha nas redes sociais

Reportar erro

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!