Subida

Por coronavírus, Cátia Fonseca faz programa de casa, baixa custo e vê Ibope da Band crescer

Programa viu seus números de audiência crescerem

 Por coronavírus, Cátia Fonseca faz programa de casa, baixa custo e vê Ibope da Band crescer
Cátia Fonseca apresentou o Melhor da Tarde de sua casa e o programa cresceu no Ibope - Foto: Divulgação

Naian Lucas

Publicado em 27/03/2020 às 05:31:00,

O Melhor da Tarde elevou seus índices de audiência nos primeiros dias em regime home office de Cátia Fonseca, que está apresentando o vespertino da Band da sua casa desde a última segunda-feira (23), por conta da quarentena imposta pela pandemia do novo coronavírus. O programa ainda viu seus custos caírem ao deixar de gravar no estúdio da emissora.

continua depois da publicidade

Levantamento do NaTelinha com base nos dados da Kantar Ibope na Grande SP indica que as três primeiras edições da atração, entre segunda e quarta-feira (25), das 15h às 16h, estão com média de 2,2 pontos. Na estreia da edição home office, o Melhor da Tarde ficou com 2,0, enquanto no dia seguinte os números caíram para 1,9 ponto. O desempenho da última quarta-feira, no entanto, atingiu 2,7 e foi o suficiente para dar um salto na média semanal.

continua depois da publicidade

Na semana passada inteira, a produção ficou com 2,0, um crescimento de 10% em sua edição nacional. Cada ponto equivale a 203.309 telespectadores, o que significa dizer que o Melhor da Tarde teve um acréscimo de pouco mais de 40 mil pessoas acompanhando durante a quarentena na capital paulista. Nenhum episódio da última semana chegou aos números de quarta-feira - o melhor desempenho havia sido no dia 18 de março, com 2,6 pontos.

continua depois da publicidade

Com as gravações ocorrendo na casa da apresentadora, o programa vespertino diminuiu os gastos com a sua produção. O NaTelinha apurou que a atração derrubou pela metade os custos ao sair dos estúdios da Band e ir para casa de Cátia Fonseca.

Na segunda-feira, no início do programa, Cátia explicou porque o Melhor da Tarde seria produzido da sua casa. "Estamos num momento muito sério do nosso país e em todo mundo, que é essa quarentena. A gente começou a pensar no seguinte junto com a direção da Band: Se todo mundo tem que ficar em quarentena, se a gente ficando na Band nós colocamos em risco todos nós da produção, o certo seria que a gente também fizesse tudo que tem pra fazer dentro de casa”, relatou.

continua depois da publicidade

“A gente tem quatro câmeras, a técnica colocou tudo aqui dentro pra gente operar, eu, o Rodrigo e o Meri. Somente nós três fazendo esse trabalho em casa”, acrescentou. “Quem ama, zela. A gente só vai conseguir diminuir a curva do coronavírus assim: todo mundo dentro de casa”, finalizou.

Cátia Fonseca não é a única da Band a apresentar seu programa de casa em virtude da quarentena. Silvia Poppovic tem comandado o Aqui na Band de seu apartamento e Datena também foi escalado para apresentar o Brasil Urgente, principal audiência do canal, diretamente de sua casa.

continua depois da publicidade

Melhor da Tarde edição local

Se a edição nacional do Melhor da Tarde cresceu neste período de quarentena com Cátia Fonseca apresentando de sua casa, o horário dedicado a São Paulo sofreu queda nos números do Ibope. Indo ao ar entre 14h e 15h, a revista eletrônica perdeu 25% dos telespectadores nesta semana.

Nos três programas que foram ao ar, a média da atração local foi de 1,2 ponto, enquanto o índice médio em todas as cinco edições da semana passada havia chegado a 1,6. A perda foi de mais de 80 mil telespectadores.

continua depois da publicidade