Memórias da Telinha

Dia das Crianças: As polêmicas e bastidores da TV infantil nos anos 80 e 90

Nomes como Xuxa, Mariane, Mara e Bozo deram o que falar

Dia das Crianças: As polêmicas e bastidores da TV infantil nos anos 80 e 90
Estrelas dos anos 80 e 90 da TV - Foto: Montagem

Publicado em 12/10/2019 às 07:30:00

Por: Daniel César

Os anos 80 e 90 foram povoados de programas infantis na TV aberta brasileira. Quem é dessa geração dificilmente se esquece de atrações como Xou da Xuxa, na Globo, ou Oradukapeta, no SBT. Mas muito mais do que os formatos em si, os bastidores dessas produções eram recheadas de situações e polêmicas que chamavam a atenção.

Neste Dia das Crianças (12), o NaTelinha preparou uma reportagem relembrando algumas polêmicas que marcaram os programas infantis do Brasil nas décadas de 1980 e 1990.

Confira:

O cabelo de Mariane

O ano era 1989 e uma garotinha fazia sucesso na tela do SBT com o programa Do Re Mi Fá Sol Lá Si. Mariane, que substituiu Simony, era muito querida pelo público infantil, tanto que o programa mudou de título em 1990 para seu nome.

Contudo, em setembro de 1991, ela resolveu revolucionar e cortou seu cabelo bem curtinho sem pedir a autorização do canal. Silvio Santos não aprovou e, duas semanas depois, ela acabou sendo demitida por telegrama. “Fiquei arrasada”, confessou em entrevista ao UOL.

Depois disso, ela passou por outros programas, mas ficou afastada da televisão recentemente para cuidar dos seus pais doentes. Com quase 50 anos, pretende voltar a investir na carreira de apresentadora.

Bozo dependente químico

Marcos Pajé deu vida ao personagem Bozo entre 1986 e 1987, fazendo enorme sucesso na televisão. Só que, recentemente, revelou em entrevistas que usava cocaína no camarim, vestia-se com a roupa do personagem e entrava no ar para apresentar a atração.

Ele relatou que havia uma “panelinha” de pessoas que também usavam drogas e bebida alcoólica no camarim do SBT, facilitando a entrada dos produtos na emissora. O ator acabou sendo demitido e precisou da ajuda da mãe para se sustentar. Passou a usar crack, mas se recuperou.

Atualmente é evangélico e sobrevive graças aos convites para dar palestra sobre sua trajetória.

Macumba de Mara?

Mara Maravilha e Angélica apresentavam programas infantis no SBT e na Manchete, respectivamente. Na época, surgiu a história que a primeira teria feito macumba para a segunda, criando um verdadeiro rebuliço nos bastidores das duas emissoras.

Questionada nos anos de 1990 sobre o assunto, Angélica declarou que não acreditava naquela história. “Eu não acredito em coisas ruins, só acredito em coisas boas. Não acredito. Primeiro que somos colegas de trabalho, não precisa disso. Segundo que ela tem um espaço grande, eu tenho meu. Estou chegando agora no SBT e sendo recebida muito bem por todos os colegas da Casa, com muito carinho. Então não acredito mesmo e tenho certeza que ela não fez isso. Não tem nada a ver. A imprensa se falou muito disso e as pessoas fizeram sensacionalismo”, afirmou. “Acho que é boato, não acredito nisso”, concluiu.

Mara também negou que tenha feito macumba e já até brincou com a situação em entrevista no ano de 2016, declarando que queria ser paquita da Xuxa, mas não conseguiu, virando Maravilha.

O beijo de Sérgio Mallandro e Xuxa

Sérgio Mallandro já foi galã de filme, atuando ao lado de Xuxa Meneghel em Lua de Cristal, lançado em 1990. O humorista e a rainha dos baixinhos se beijaram durante as gravações do longa-metragem e o comediante chegou a comentar o assunto no ano passado, no programa Sensacional, da RedeTV!.

“Eu fui criado no Rio de Janeiro, na malandragem. Beijo para mim é beijo, não tem esse negócio de beijo técnico, eu nunca conheci isso. Vi aquela boquinha ali, parada, a diretora falou ‘beija com amor’. Com amor você tem que botar as suas ferramentas. Repetiram várias vezes. Eu estava adorando, porque cada vez que repetia eu sentia aquela boca doce. Aí tomei um esporro da diretora, da Xuxa, de todo mundo”, confessou.

Na época, a imprensa chegou a cogitar um possível romance entre a apresentadora e Sérgio Mallandro, negado por ambas as partes. Vale destacar que Xuxa e o apresentador são amigos de longa data.

A impaciência de Xuxa

Falando em Xuxa, ela começou sua trajetória como rainha dos baixinhos na TV Manchete, tanto que as imagens da época se tornaram memes na internet (quem nunca viu a Xuxa Verde?).

Além desse fato, a comunicadora também foi acusada de ser impaciente com crianças, tanto que é muito comum internautas compartilharem o famoso vídeo com a frase “Senta lá, Cláudia”.

A loira explicou que, como estava no começo de carreira, não tinha muita noção de posicionamento de câmera e contava com marcações feitas pela produção para se localizar. Quando as crianças começavam a correr, ela ficava com medo de se atrapalhar e por isso pedia para a meninada obedecer.

Xuxa garante que sempre gostou de criança e só era impaciente com pais que obrigavam seus filhos a tirarem fotos, mesmo vendo que eles não queriam ficar ao seu lado, conforme declarou ao canal da Giovanna Ewbank.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!