Polícia

Apresentador do "Balanço Geral" dispara em pesquisa para prefeito de Vitória

Pesquisa do Instituto Paraná dá larga vantagem

Apresentador do
Amaro Neto, apresentador do "Balanço Geral" e deputado federal, lidera corrida eleitoral para prefeitura de Vitória

Naian Lucas
i

Naian Lucas

Naian Lucas escreve há 10 anos e já fez de tudo um pouco nas redações. Apaixonado por televisão, é roteirista e trabalha na área desde 2014. Atualmente, é repórter do NaTelinha e aficcionado por tudo que envolve dramaturgia. Siga-me no Twitter: @naiaan

Publicado em 19/06/2019 às 05:45:40

O jornalista e apresentador Amaro Neto é líder disparado na corrida para as eleições municipais da cidade de Vitória, no Espírito Santo. Lá, ele é conhecido por apresentar a versão local do "Balanço Geral", da TV Vitória, afiliada da Record no estado.

A pesquisa é do Instituto Paraná e foi divulgado nesta terça-feira (18) na página oficial da empresa na internet. Em todos os cenários da pesquisa estimulada, o jornalista que atualmente apresenta o programa apenas aos sábados aparece na liderança disparada.

Amaro Neto aparece com 27,6%, bem à frente de Carlos Manato, atualmente um dos nomes fortes do Governo Jair Bolsonaro na Câmara dos Deputados, que está com apenas 11% das intenções de voto. Logo depois, surge o nome de Sérgio Majeski com 9,5%, Fabrício Gandini (9,1%) e do Delegado Lorenzo Pazolini (8,5%). Outros nomes aparecem mais abaixo.

Mais cenários

Um novo cenário proposto pelo Instituto indica que o apresentador da Record mantém o mesmo percentual, enquanto Carlos Manato subiu para 11,6%. Os outros adversários seguem praticamente a mesma toada anterior.

Numa possibilidade sem o nome do Delegado Lorenzo Pazolini, Amaro aparece com 30,9%, enquanto Manato vai a 12,3%. Fabrício Gandini e Sérgio Majeski empatam com 10,3%.  Os pré-candidatos nanicos continuam com a mesma pontuação dos dois cenários anteriores.

Já na possibilidade de que não se candidatem nem o Delegado Lorenzo, nem Sérgio Majeski, o jornalista sobe ainda mais e chega a 31,3%. Bem abaixo, mas ainda na vice posição aparece Carlos Manato com 13,2%, enquanto Fabrício Gandini se consolida na terceira colocação com 11,2%.

No caso de Amaro não se lançar candidato, o cenário é mais disputado. Enquanto 22,8% afirmam que não votarão em nenhum candidato, Carlos Manato lidera com 15%, seguido de perto pelo Delegado Lorenzo Pazolini com 14,8%. Fabrício surge em terceiro com 11,5%, quase empatado com Sérgio Majeski que tem 11,1%.

A pesquisa realizada pelo Instituto Paraná ouviu 802 pessoas entre os dias 09 e 13 de junho e tem margem de erro de 3,5% para mais ou para menos e um grau de confiança de 95%. 

Amaro Neto na política

O jornalista se lançou na vida pública em 2014, quando foi eleito como o deputado estadual mais votado do Espírito Santo, com 55.408 votos. Dois anos depois, ele anunciou sua candidatura para a prefeitura de Vitória e conseguiu chegar ao segundo turno.

Na disputa acirrada com Luciano Rezende, Amaro perdeu por uma baixa diferença. O jornalista ficou com 48,81% dos votos contra 51,19% do vencedor. 

Em 2018, ele se candidatou para Deputado Federal e voltou a ser eleito como o mais votado na corrida eleitoral. Dessa vez, o apresentador do "Balanço Geral" obteve 181.813 votos, mais do que o dobro do segundo colocado.


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!