Fim de um ciclo

Após 30 anos, Marcos Antonio Zago deixa a Band

Profissional foi diretor de programação e estava na opec da emissora


Marcos Antonio Zago
Marcos Antonio Zago iniciou sua carreira na Band em 1981

Há 30 anos na Band, Marcos Antonio Zago anunciou nesta quinta-feira (13) sua saída da emissora. Atualmente, ele estava como diretor nacional de Opec, após a chegada de Antonio Zimmerle para a programação da rede.

Trabalhando com televisão desde 1972, Zago comunicou sua saída em uma mensagem interna e depois compartilhou o texto em seu perfil no Facebook.

"Fim de um ciclo. Depois de 30 anos estou deixando a Band. Agradeço a todos, das diversas equipes que trabalharam comigo. A todos que colaboraram para que eu pudesse ter uma bela história para o resto da vida. Agradeço aos diretores e integrantes das diversas áreas com que interagi durante três décadas. Agradeço também as equipes da rede, espalhadas pelo Brasil, que sempre me trataram muito bem", disse ele.

"Agradeço ao Johnny e toda a família Saad pela confiança e cordialidade permanente. Agradeço especialmente ao André Aguera que acreditou em mim e me deu oportunidades de ouro nessa minha jornada. Aprendi muito aqui e acredito que também contribuí para o engrandecimento da emissora. Estarei sempre torcendo pelo sucesso da Band. Estou saindo da Band. Mas a Band jamais sairá de mim. Um abraço a todos", completou.

Na publicação, Zago publicou uma foto de 1982, quando havia completado um ano em sua primeira passagem pela emissora.

Procurada pelo NaTelinha, a Band confirma a saída, sem maiores detalhes.

Marcos Antonio Zago

Nome importante na história da televisão, Marcos Antonio Zago era diretor de programação da Band até a chegada de Antonio Zimmerle à emissora.

Ex-número 2 da programação da Globo, Zimmerle foi contratado em abril e assumiu o cargo, deslocando Zago para a direção de Opec, onde desde então vinha cuidando da distribuição de propagandas na grade. Agora, Zimmerle está cotado para assumir a direção geral da emissora, com a saída de Juca Silveira.

Marcos estreou na televisão em 1972, com um estágio na TV Tupi. Foi efetivado e trabalhou no canal até 1981, passando por vários setores, como produção de programas e direção de programa. Foi contratado pela Band pela primeira vez e começou na área comercial, logo passando para gerente de programação.

Foi supervisor de várias áreas no canal e participou da implantação do sistema de transmissão por satélite, onde a Band foi pioneira. Em 1990, assumiu a direção executiva de programação da Rede Bandeirantes, até que três depois foi contratado pela TV Manchete, onde foi diretor nacional de programação. Com a falência da emissora, em 1999 estava na equipe que montou e lançou a RedeTV!.

Em 2000, voltou ao Grupo Bandeirantes e foi diretor de programação da Rede 21. Em 2006, retornou para a área na Band, até mudar de função neste ano e anunciar sua saída nesta quinta.

Mais Notícias