Direitos

DAZN derrubará transmissões piratas de Corinthians x Deportivo Lara

Plataforma fará monitoramento das redes sociais

DAZN derrubará transmissões piratas de Corinthians x Deportivo Lara
Cássio estará na transmissão de Corinthians x Deportivo Lara, exclusivo da DAZN. Foto: Divulgação

Daniel César
i

Daniel César

Daniel César é jornalista formado, pós-graduado em linguística e em roteiro de televisão, com mestrado em Literatura. Trabalha com o universo da televisão desde 2010 e já fez cursos de dramaturgia com nomes como Carlos Lombardi e Thelma Guedes.

Publicado em 23/05/2019 às 05:59:56 Atualizado em 23/05/2019 às 08:34:49

A DAZN não vai pegar leve com quem tentar exibir a partida entre Corinthians e Deportivo Lara que vai acontecer nesta quinta-feira (23) com transmissão exclusiva da plataforma de streaming apenas para seus assinantes a partir das 19h15, pela Sulamericana. A empresa irá monitorar as redes sociais e agirá para derrubar transmissões piratas da partida.

O NaTelinha apurou que a empresa já conta com especialistas da área para realizar o monitoramento em todas as redes sociais durante a transmissão do primeiro jogo segunda fase da Copa Sulamericana e perfis que exibirem a partida de forma pirata sofrerá sanções.

"A empresa pretende entrar rapidamente em contato com as redes sociais exigindo que os direitos autorais sejam preservados e que a transmissão seja interrompida imediatamente", comentou uma fonte que trabalha para a DAZN e pediu para não ser identificada.

A intenção da plataforma é evitar que corintianos ou fãs de futebol possam ter acesso à partida por qualquer outro meio que não seja a transmissão oficial da DAZN. Tanto que a direção da empresa foi de não liberar que a RedeTV! transmita ao vivo o jogo. A emissora que tem um contrato de parceria levará ao ar o jogo em formato de VT, às 21h15, ou seja, logo após o apito final.

Em conversa com o funcionário da plataforma, o NaTelinha questionou o motivo da mudança de postura e a resposta foi taxativa. "A DAZN entende que era necessária a liberação para transmissão tanto no próprio youtube de forma gratuita assim como na Rede TV!, mas agora é o momento do público conhecer a plataforma e o aplicativo de streaming", explicou sob a condição de sigilo.

A fim de atrair novos assinantes, o streaming decidiu seguir o mesmo padrão da Netflix. Quem quiser assinar a DAZN tem direito a 30 dias gratuitos, desde que faça a assinatura e ofereça seus dados de cartão de crédito. O cancelamento ao fim desses dias não implica em cobrança nenhuma. A assinatura mensal é de R$ 37,90.

Recentemente a Globo tomou posição semelhante na guerra contra a pirataria. Antes de confirmar seu novo contrato de direitos de exibição com a emissora carioca, o Palmeiras ficou sem exibição na TV para sua partida contra o CSA, uma vez que o clube tinha contrato apenas com o Esporte Interativo, enquanto a equipe alagoana com a Globo.

Sem acesso à exibição, o torcedor buscou outros meios e alguém presente no estádio fez uma transmissão amadora nas redes sociais. Rapidamente a Globo acionou o YouTube por conta dos direitos de transmissão das partidas do CSA e conseguiu derrubar o vídeo.

Na semana passada, Band, Record e Globo foram além e decidiram se filiar a uma associação internacional de combate à pirataria. A discussão sobre direitos de exibição vem ganhando forma em todo o mundo. Números mostraram que um episódio da última temporada de "Game of Thrones" teve 54 milhões de downloads ilegais baixados horas depois de sua exibição oficial na HBO.

O outro lado

Procurada, a DAZN enviou um comunicado oficial sobre o tema. Veja a íntegra:

"Consideramos a pirataria um assunto bastante sério no DAZN, uma vez que ela impacta não apenas o nosso negócio, mas todo o ecossistema da indústria de esporte no País, incluindo os próprios Clubes.

Por essa razão, temos trabalhado com afinco para combater esse tipo de prática. É um trabalho árduo que combina investimento em diferentes tipos de tecnologia, parcerias estratégicas com outras plataformas digitais, como Facebook e YouTube, e uma comunicação constante para educar os usuários com relação aos malefícios da pirataria para todos.

O serviço do DAZN foi lançado no País no início de maio e, nesse momento, estamos em nosso período de testes grátis. Ou seja, todas as pessoas que entrarem na plataforma, e se cadastrarem no serviço, terão um mês de acesso totalmente gratuito para assistir todos os jogos que desejarem, pelo tempo que quiserem.

Não há qualquer razão para que as pessoas busquem links piratas para consumirem nosso conteúdo. Elas estarão não apenas colocando sua segurança cibernética em risco, como ameaçando sua experiência como torcedores, uma vez que o link pirata pode ser derrubado a qualquer momento da transmissão".


publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!