Reportar erro
Polêmica

No “Conversa com Bial”, comediante diz que Dilma Rousseff sofreu golpe

Frase controversa foi dita por imitador da ex-presidente

Pedro Bial sentado na bancada do "Conversa com Bial", ao lado de Gustavo Mendes e Thiago Brava, também sentados
Gustavo Mendes chamou impeachment de Dilma de golpe no "Conversa com Bial". Foto: Reprodução/Gshow
Naian Lucas

Publicado em 25/04/2019 às 18:07:21

O comediante Gustavo Mendes participou do “Conversa com Bial” na madrugada desta quinta-feira (25) e chamou a atenção por declarar que considera o processo de impeachment contra a ex-presidente Dilma Rousseff foi um golpe.

A afirmação se deu durante a entrevista com Pedro Bial que lembrou o fato de que Gustavo se tornou famoso justamente imitando a então presidente Dilma. O humorista comentou que sofreu muito à época porque ele apanhava de todos os lados.

“Humor é oposição, muita gente me batia falando que eu era favorável e outros que diziam eu ser contrário à presidente”, relembrou ele no “Conversa com Bial” que contou ainda com a presença do cantor Thiago Brava.

Foi justamente enquanto falava de Dilma que Gustavo não se conteve e explicou que considera golpe o processo de impeachment. “Ela sofreu um golpe para mudarem o governo”, concluiu o comediante.

A conversa acabou não se alongando sobre este tema, visto que os comediantes preferiram falar mais do aspecto de humor durante todo o processo e que, graças ao trabalho de Gustavo Mendes, Dilma acabou sendo ainda mais zoada por conta de seu estilo e de suas declarações enquanto esteve à frente da presidência.

Vale lembrar que Dilma Rousseff sofreu processo de impeachment por crime de responsabilidade no início de 2016 e foi retirada do cargo após aprovação do Congresso, dando lugar ao vice, Michel Temer.

Muita gente considerou o processo como golpe porque não concordou que houve crime de responsabilidade nas famosas pedaladas fiscais. O processo deu fama a advogada Janaina Paschoal, a maior defensora do impeachment. Ela acabou se tornando deputada estadual por São Paulo nas eleições 2018.

Ainda no “Conversa com Bial”, Mendes e Brava relembraram a tristeza que tiveram quando souberam da morte do sertanejo Cristiano Araújo, de quem eram amigos. “Choramos muito no camarim, depois do show”, afirmaram.

Mais Notícias