Confira

CNN Brasil anuncia quatro novos diretores, vindos de Band, Globo e Record

Novo canal de notícias tem previsão de lançamento para o final do ano

CNN Brasil anuncia quatro novos diretores, vindos de Band, Globo e Record
CNN Brasil anuncia quatro novos contratados para sua direção - Fotos: Divulgação/CNN Brasil

Fabrício Falcheti
i

Fabrício Falcheti

Publicitário e jornalista pós-graduado, Fabrício Falcheti é sócio-fundador e editor-chefe do NaTelinha. MTB: 0061456/SP

Publicado em 24/04/2019 às 18:00:53

A CNN Brasil segue montando a sua equipe de direção e anunciou nesta quarta-feira (24), quatro novas contratações.

São eles: os jornalistas Henri Karam (Jornalismo), Flavia Bonfá (Relações Públicas e Projetos Especiais), Marcio Pinheiro (Digital) e o publicitário Douglas Fagotti (Programação).

Confira seus currículos:

Karam, que será um dos diretores de Jornalismo da CNN Brasil, estava à frente da Band News desde 2017, período em que promoveu profunda reestruturação no canal. É graduado em jornalismo com especialização em telejornalismo, comunicação e estudos de mídia pela USP e pós-graduação em direção editorial pela ESPM. São mais de 20 anos de experiência profissional, com passagens pela Rede Globo e pelo Grupo Bandeirantes, onde desempenhou diversos cargos como repórter, editor, editor-chefe e chefe de redação. Foi correspondente na China durante os Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008, e na África do Sul para a Copa do Mundo de 2010.

Flavia Bonfá terá a missão de implementar e conduzir a diretoria de Relações Públicas e Projetos Especiais da CNN Brasil. Com 20 anos de experiência em Comunicação Corporativa, tem passagem pela Central Globo de Comunicação e por outras grandes empresas como FleishmanHillard, Edelman, Ketchum e Natura. Deixa a FSB Comunicação, na qual liderava os principais projetos de comunicação dos mais de 250 clientes e a criação e rentabilidade de núcleos estratégicos.

Formado em Publicidade e Pós-Graduado em Gestão em Marketing, pela ESPM, Douglas Fagotti atua há quase 20 anos em televisão. Com passagens pelo SBT, Record e Bandeirantes, especializou-se em estratégias de audiências de programação.

Marcio Pinheiro tem mais de 15 anos de carreira, a maioria dedicada ao conteúdo digital. Trabalhou por mais de oito anos no Grupo TV1, agência pela qual desenvolveu estratégias multiplataforma para setores importantes do poder público e do mercado privado. Teve passagens por revistas do Grupo Abril, pela Folha de S.Paulo e em portais como UOL e iG. É graduado em jornalismo, especializado em marketing político digital e cursa MBA de Big Data na ESPM.

Em nota, Douglas Tavolaro, CEO e sócio da CNN Brasil, comentou: “A chegada desses quatro experientes profissionais capacita ainda mais a equipe da CNN Brasil. Cada um deles, em suas respectivas áreas, tem o importante compromisso com a qualidade que desejamos para o canal. Aos poucos a equipe vem sendo montada e seguimos com o nosso planejamento para a estreia”.

A CNN Brasil será conduzida numa sociedade entre Tavolaro e o empresário Rubens Menin, conforme acordo de licenciamento de marca estabelecido com a CNN International Commercial (CNNIC), que abrange o acesso a certas propriedades, incluindo conteúdo da CNN International.

Até o momento, o canal tem focado suas contratações para montagem de sua diretoria. Já fazem parte da CNN Brasil: Américo Martins, como vice-presidente de conteúdo; Leandro Cipoloni, vice-presidente de jornalismo; Virgilio Abranches, como vice-presidente de programação e multiplataforma; Fabiano Falsi, chefe de redação; Rafael Duzzi, para o cargo de diretor de Operações e Engenharia; Jercineide Castro, como CFO; Ellen Nogueira, diretora de jornalismo; e Maura Martines, como diretora de Inteligência de Mercado; além de um novo integrante ao Conselho de Administração, o acionista Leonardo Guimarães Corrêa.

Também já foi divulgada sua marca e o endereço de seu escritório definitivo, que será na Avenida Paulista, tradicional centro financeiro de São Paulo.

O lançamento do canal na TV paga e plataformas digitais segue prevista para o final de 2019.


publicidade

TAGS:

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!