Reportar erro
Globo

“Vídeo Show” resolve “ressuscitar” retrospectiva televisiva

Joaquim Lopes, Sophia Abrahão e Ana Clara
Reprodução/ TV Globo
Redação NT

Publicado em 31/12/2018 às 17:07:32

Nesta segunda-feira (31), o “Vídeo Show” resolveu ressuscitar um antigo formato do programa: o “Vídeo Show Retrô”. Relembrando os melhores momentos da televisão ao longo do ano de 2018, a retrospectiva não era exibida oficialmente desde 2012.

Apresentado por Joaquim Lopes, Sophia Abrahão e Ana Clara, o “Vídeo Show Retrô” mostrou de tudo um pouco: erros de bastidor, as músicas que dominaram as paradas, personagens marcantes e expectativas dos artistas para 2019.

Os artistas que nos deixaram este ano também foram relembrados, em quadro especial comandado por Miguel Falabella. Ainda, o tradicional “Minuto Inútil” foi recuperado - o quadro contabiliza a quantidade total de beijos (2.295 ao todo), tapas (96), acidentes (48) e outros tipos de cenas exibidos nos últimos doze meses.

“Vídeo Show” resolve “ressuscitar” retrospectiva televisiva

Histórico

As primeiras retrospectivas do “Vídeo Show” surgiram nos anos 90, na época em que Falabella comandava o programa. Em 1997, por exemplo, o especial foi veiculado em 31 de dezembro, exibido após “Por Amor”. O formato foi retomado efetivamente a partir de 2003, sempre sendo exibido em horário nobre com apresentação de André Marques e Angélica.

“Vídeo Show” resolve “ressuscitar” retrospectiva televisiva

Em 2005, a dupla encarnou personagens da dramaturgia daquele ano, como Mirna e Crispim, de “Alma Gêmea”; Pascoal e Jamanta, de “Belíssima” e Bebel e Agostinho, de “A Grande Família”. No ano seguinte, André e Angélica passearam por cenários e interagiram com personagens das tramas, fazendo compras na Luxus, de “Cobras & Lagartos” e levando alfinetadas de Ellen (Taís Araújo) e Leona (Carolina Dieckmann).

Em 2009 e 2010, o programa adotou um tom mais jornalístico, relembrando acontecimentos de cada mês, mesclando notícias do mundo dos famosos. A última edição, veiculada em 2012, foi totalmente dedicada à “Avenida Brasil”, fenômeno daquele ano.

Mais Notícias