Reportar erro
Ladrões

Em nova temporada, "La Casa de Papel" terá roubo emocional

Criador teve que desenvolver uma nova razão para continuar a série

alexpina2_959ca20f9882743a7961b3a674e21bfc6c9fff48.jpeg
Álex Pina, cirador de "La Casa de Papel"
Thiago Forato

Publicado em 20/06/2018 às 08:50:09

Fenômeno em 2018 na Netflix e no ano passado na Espanha, a série "La Casa de Papel"  foi renovada para mais uma temporada, que está cercada de expectativas, já que ela foi pensada inicialmente em duas partes com início, meio e fim.

Com um desfecho sem brechas para uma continuação, o criador Álex Pina concedeu entrevista ao jornal espanhol El País e revelou que precisou de dois meses para desenvolver uma ideia depois do pedido da Netflix para uma nova leva de episódios.

"É necessário criar novos universos, porque o plano original chegou ao fim, os personagens cresceram e estão em um lugar diferente de onde começaram. Além disso, agora são ricos! A desculpa de ser Robin Hood já não funciona. Precisávamos encontrar uma razão forte para que voltassem a roubar, algo emocional. E agora temos", orgulha-se ele.

Pina relembra que ficou surpreso com a repercussão da série: "Foi lançada sem campanha promocional, não apostavam nela. Tivemos uma sorte fabulosa com as pessoas com as quais trabalhamos, que confiam muito em nós".

Enquanto a série era gravada, o ator Álvaro Morte, o Professor na série, já cantava a bola: a série marcaria um antes e depois na forma tratar a ficção. "Tem muitos países interessados em levá-la, e se deram conta que se trata de um serião", contou ao jornal ABC, da Espanha. O NaTelinha, aliás, resgatou a entrevista em maio.

"La Casa de Papel" volta ao ar em 2019.

Mais Notícias