Revelação

Pantanal: Filó da 1ª fase, Letícia Salles defende romance com Zé Leôncio: "É raro e puro"

Atriz conta qual foi cena mais emocionante e comemora feedback positivo em sua estreia na novela: "Fiquei muito nervosa"


José Leôncio ( Renato Góes ), Filó ( Letícia Salles ) e Tadeu ( Lucas Oliveira dos Santos) na primeira fase de Pantanal a beira do rio
José Leôncio ( Renato Góes ), Filó ( Letícia Salles ) e Tadeu ( Lucas Oliveira dos Santos) - João Miguel Júnior/Globo

Leticia Salles, 27 anos, roubou a cena como Filó na primeira fase de Pantanal. A atriz fez sua estreia em novela e está radiante com os elogios que vem recebendo por sua atuação como a jovem que se apaixonou por Zé Leôncio (Renato Góes) após conhecê-lo em uma currutela durante uma comitiva. Tempos depois, ela surgiu grávida na fazenda dele e pediu abrigo, acabou virando sua empregada e amante.

"A Filó é uma mulher doce e de muita fibra, como muitas que conhecemos. Acho que isso ajudou a provocar a identificação do público, mas nunca imaginei um feedback como o que tenho tido. Estar ao lado de atores que eu sempre admirei como espectadora é um desafio enorme e também um grande estímulo. Fiquei muito nervosa, mas estou feliz com o resultado de um processo tão desafiador para mim", conta.

Foi na fazenda que nasceu e cresceu Tadeu (Lucas Oliveira dos Santos/José Loreto), a quem ela confessou ser filho de Zé após alguns anos. Em conversa com o NaTelinha, Leticia contou qual foi o maior aprendizado que Filó lhe trouxe e defende o romance da personagem com Zé Leôncio, apesar de ele ter deixado a moça de lado e casado com Madeleine (Bruna Linzmeyer) e lhe causado sofrimento também ao admitir que transou com a cunhada Irma (Malu Rodrigues).

"O amor que a Filó sente pelo José Leôncio é raro, puro. Não é egoísta e nem cobra nada em troca. Observar com carinho suas atitudes foi um enorme aprendizado."

E apesar de toda a sofrência da Filó ao ver seu grande amor com outras mulheres, o casal encerrou a primeira chave em clima de paixão durante um banho de rio e a atriz não acredita que falte amor próprio para a personagem.

"Não acho... Ela é o coração daquela casa. Ele sabe disso e a respeita por isso também. Aos poucos ele vai abrindo espaço para o amor que ele também sente, na minha opinião", diz ela, que não daria nenhum conselho para Filó.

"Eu tenho muito carinho e um respeito pela mulher íntegra e forte que ela é. Acho que eu pediria um conselho para ela, e não o contrário!"

Antes de ser escalada para a novela, Leticia precisou fazer três testes, o último deles junto com o Renato Góes, já na pele da Filó. "Estava super nervosa e ele foi extremamente generoso", admite.

Leticia Salles conta qual foi a cena mais marcante de Filó em Pantanal

Pantanal: Filó da 1ª fase, Letícia Salles defende romance com Zé Leôncio: \"É raro e puro\"

Filó caiu nas graças do público, emocionou, chorou e demonstrou muita empatia e sororidade ao ajudar Madeleine (Bruna Linzmeyer) durante o parto de Jove, quando Zé Leôncio estava distante em uma comitiva. A cena, com uma carga forte de emoção, foi a mais marcante para a atriz.

"Ali não havia espaço para José Leôncio ou ciúmes, eram duas mulheres juntas trazendo uma criança para o mundo. Houve muita preparação e uma troca intensa com a Bruna Linzmeyer", aponta.

Após uma passagem de 20 anos, a Filó de Leticia foi assumida por Dira Paes, assim como José Leôncio de Renato Gões foi substituído por Marcos Palmeira. A atriz conta que teve um encontro muito bonito com a Dira nos bastidores de Pantanal.

"Ela me recebeu lindamente e pudemos trocar bastante sobre as nossas Filós. Cada uma tem uma história, sua característica, mas há um mesmo entendimento sobre a personagem. Dira me acolheu e me passou ensinamentos importantíssimos para o meu processo nesse trabalho."

Antes de ser modelo e morar em Londres, Leticia, criada no Complexo da Maré, no Rio de Janeiro, trabalhou como recepcionista em um salão de cabeleireiro e estudou Biomedicina.

"Mas logo percebi que não me encontrava naquela profissão. Quando recebi a proposta para trabalhar como modelo, agarrei a oportunidade. Foi uma surpresa quando passei em um casting para uma agência em Londres. Eu não falava inglês, mas me joguei como forma de evoluir profissionalmente, conhecer outros países, aprender uma língua nova."

A proposta para estudar artes cênicas veio quando ela estava lá em Londres. "Decidi voltar ao Brasil, mesmo com receio do incerto. Me encontrei no ofício e hoje posso dizer que foi a melhor escolha que fiz", comemora.

Siga a gente no Instagram

Acompanhe nosso perfil e fique por dentro das quentinhas da TV e famosos

ACESSE!
Mais Notícias