Reportar erro
Martelo batido

Verdades Secretas 2: Globo escolhe substituto de ator acusado de agredir namorada

Emissora escalou ator já conhecido do público para o papel

Bruno Montaleone posado para foto
Verdades Secretas 2: Globo escolhe substituto de ator acusado de agredir namorada - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 02/08/2021 às 21:31:00

A Globo bateu o martelo e escolheu o ator substituto para interpretar o personagem Matheus em Verdades Secretas 2. Trata-se de Bruno Montaleone, artista de 25 anos, conhecido por ter namorado Sasha Meneghel entre 2017 e 2019. A emissora escalou Bruno em substituição a João Gana, ator que aparece em imagens agredindo sua ex-namorada, em um vídeo viralizado na semana passada nas redes sociais.

Segundo Patrícia Kogut, do O Globo, Bruno deverá regravar todas as cenas já rodadas por João, inclusive os dez primeiros capítulos da trama, ao lado de Zezé Polessa, que interpreta a avó da personagem. Montaleone começa a gravar na próxima semana nos Estúdios Globo, no Rio.

Na trama de Walcyr Carrasco, cabe ao ator interpretar Matheus, um jovem modelo que também faz programas. Bruno terá o desafio de protagonizar cenas de sexo quentes do seu personagem com homens e mulheres. O jovem se envolverá com Betty, uma mulher mais velha, vivida por Deborah Evelyn. 

Globo fará mudanças em Verdades Secretas 2

Em nota enviada ao NaTelinha, a Globo já tinha confirmado a saída de João Gana, reafirmando seu compromisso contra qualquer tipo de violência, reforçando seu Código de Ética.

"O ator João Gana não faz mais parte de Verdades Secretas 2. A Globo não comenta questões de Compliance, mas toda denúncia que chega ao conhecimento da Ouvidoria é apurada com rigor, sendo aplicadas as medidas cabíveis. Aproveitamos para reiterar que a Globo repudia de forma veemente todo e qualquer tipo de violência e tem um Código de Ética, que deve ser seguido por todos nossos colaboradores", disse o texto.

A assessoria da Polícia Civil do Rio de Janeiro afirmou que as investigações estão em andamento na Delegacia de Atendimento à Mulher (DEAM) do Centro, que já instaurou um procedimento para apurar os crimes.



Mais Notícias