Reportar erro
Chamem a polícia

Amor de Mãe se torna uma das novelas com mais assassinatos dos últimos 11 anos

Trama de Manuela Dias só fica atrás de três histórias; confira ranking

Amor de Mãe
Thelma antes de matar Rita, a sétima vítima de Amor de Mãe. Foto: Reprodução/TV Globo
Diogo Cavalcante

Publicado em 03/03/2021 às 04:00:00,
atualizado em 03/03/2021 às 09:28:16

Amor de Mãe voltou ao ar nesta semana. Nesses primeiros dias, a novela vai rememorar o que aconteceu na primeira parte. E será possível verificar que a trama de Manuela Dias é uma das que mais tiveram personagens assassinados na faixa das 21h nos últimos 11 anos. Juntando as mortes já exibidas (7) com as previstas e divulgadas pela imprensa (3), a história acumula um total de 10 mortes intencionais.

A trama de Lurdes (Regina Casé) é a quarta com maior quantidade de assassinatos. De 2010 para 2021, 18 produções foram exibidas no horário das 21h. A recordista é A Regra do Jogo (2015), problemática história policial de João Emanuel Carneiro. 26 pessoas foram mortas - 12 delas (segundo a sinopse e de acordo com o conteúdo exibido) apenas na famosa Chacina de Seropédica, executada por Zé Maria (Tony Ramos).

Em segundo lugar, vem Insensato Coração (2011). Na produção, assinada por Gilberto Braga e Ricardo Linhares, 23 pessoas foram assassinadas ou perderam a vida por ação indireta de alguém. A terceira posição do ranking fica com A Dona do Pedaço (2019), de Walcyr Carrasco. 14 personagens foram executados na história de Maria da Paz (Juliana Paes), cuja primeira fase era pautada na briga de duas famílias de pistoleiros do Espírito Santo.

Amor de Mãe se torna uma das novelas com mais assassinatos dos últimos 11 anos

Na quinta colocação, após Amor de Mãe, surgem as novelas Império (2014), de Aguinaldo Silva, e A Lei do Amor (2016), de Maria Adelaide Amaral e Vincent Villari. Ambas registraram nove mortes intencionais ao todo.

Novelas menos letais

Quase nenhuma novela das 21h ficou sem exibir um homicídio nos últimos dez anos, mas em três delas o número foi baixo. A menos letal foi Em Família (2014), de Manoel Carlos. Por lá, houve apenas o assassinato de Laerte (Gabriel Braga Nunes) no último capítulo, morto por um tiro de Lívia (Louise D’Tuani).

Em A Força do Querer (2017), de Gloria Perez, foram duas vítimas. Gerson (Well Aguiar), PM amigo de Jeiza (Paolla Oliveira), assassinado por bandidos durante um assalto; e Rubinho (Emílio Dantas), que leva um tiro de Sabiá (Jonathan Azevedo) durante um tiroteio na favela.

Esse levantamento, feito pelo NaTelinha, só contabiliza os chamados Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs), classificação usada pelas Polícias Civis para caracterizar homicídios, assassinatos e agressões com morte. Suicídios, mortes acidentais e mortes naturais ou causadas por doenças não entram para a contagem.

Amor de Mãe se torna uma das novelas com mais assassinatos dos últimos 11 anos

Quem morre em Amor de Mãe?

Na primeira fase de Amor de Mãe, foram assassinados os personagens Genilson (Paulo Gabriel), Vicente (Rodrigo Garcia), Vinícius (Antonio Benício), Wesley (Dan Ferreira), Amanda (Camila Márdila) e Igor (Josué Galinari). No último episódio, Thelma matou Rita (Mariana Nunes) atropelada, para evitar que ela revelasse que Danilo (Chay Suede) é Domênico.

Agora, no retorno, conforme o que foi divulgado na imprensa, três personagens estão previstos para morrer. O policial criminoso Belizário (Tuca Andrada), a enfermeira Jane (Isabel Teixeira) e o traficante Marconi (Douglas Silva).

Confira a quantidade de mortes intencionais em cada novela, de 2010 para cá

- Passione - 5

- Insensato Coração - 23

- Fina Estampa - 4

- Avenida Brasil - 3

- Salve Jorge - 5

- Amor à Vida - 4

- Em Família - 1

- Império - 9

- Babilônia - 4

- A Regra do Jogo - 26

- Velho Chico - 5

- A Lei do Amor - 9

- A Força do Querer - 2

- O Outro Lado do Paraíso - 6

- Segundo Sol - 4

- O Sétimo Guardião - 7

- A Dona do Pedaço - 14

- Amor de Mãe - 7 (exibidos) - 10 (total previsto)

Mais Notícias