Reportar erro
Entrevista

Julianne Trevisol explica mudança no destino de Lu em Totalmente Demais: "Sofreu"

Intérprete da It Girl fala sobre a reprise, novos trabalhos e se shippava Arliza ou Joliza

Julianne Trevisol
Divulgação
Taty Bruzzi

Publicado em 18/07/2020 às 12:37:18

No ar como a Lu de Totalmente Demais, Julianne Trevisol ficou sabendo sobre a volta da novela pelos fãs e comemora o sucesso que o folhetim e sua personagem estão fazendo pela segunda vez. A atriz disse que ficou sabendo da reprise pelos fãs.

"A primeira pessoa com quem falei foi o produtor de elenco, Fábio Zambroni, muito especial na época. Foi ele quem me convidou para fazer os testes para a Lu", recorda-se durante conversa exclusiva com o NaTelinha.

"A gente relembrou a etapa do processo seletivo até eu passar para a personagem, foi um momento super nostálgico e a gente ficou muito feliz de ter a reprise deste trabalho", vibra.

Na trama escrita pela dupla Rosanne Svartman e Paulo Halm, a personagem de Julianne é assistente pessoal da Carolina Castilho (Juliana Paes), editora da revista Totalmente D+, moderninha e sempre antenada com a moda.

Quem acompanha os capítulos já deve ter notado que a It Girl adora fazer selfies no trabalho, eventos, na boate e até em casa, e postar em seu perfil em uma rede social. Na época em que o folhetim foi ao ar pela primeira vez, a conta Visu da Lu foi criada e alimentada por uma equipe. Segundo a atriz, desde o início ela sabia que sua personagem seria a primeira Digital Influencer da TV brasileira. "Foi tudo pensado para isso", conta.

"Nós tínhamos a ideia de que iríamos criar esta personagem para ser multiplataformas, existir na novela e na vida real, na internet. Então, tínhamos o Visu da Lu, no Instagram, e eu tinha o celular da Lu, que era real, para durante as cenas ir gerando os conteúdos, das selfies, de tudo", explica.

Julianne destaca a equipe por trás de todo esse trabalho secundário de blogueira. "Uma vez por semana nós tínhamos o ensaio fotográfico da Lu. Então, fora do ar eu montava todos os looks com a equipe de figurinos e de stylists da Lu com a equipe de figurino da Totalmente Demais", conta.

A atriz revela que montavam de 10 a 12 looks para serem fotografados e postados no perfil da rede social. "Tinha uma equipe só da parte da internet cuidando do 'Visu da Lu', pronta para responder as perguntas e criar as enquetes", lista.

Julianne lembra que chegou a ser elaborada uma enquete para escolher com qual look a Lu deveria aparecer em um evento da revista Totalmente D+ e o look vencedor foi usado na novela.

"Essa interação foi prevista desde o início. Pensado para a personagem ter acesso, esse contato. E, agora, está sendo muito bacana, porque eu estou podendo rever tudo isso", confessa.

"O Instagram hoje em dia é uma plataforma mais forte ainda do que era há 4, 5 anos. Então, as pessoas já lidam melhor com essa questão do digital e a gente está em total contato o tempo inteiro", diz.

A atriz tem feito muitas lives e respondido às perguntas dos fãs antigos e dos mais recentes da novela das sete. Segundo ela, é engraçado quando eles estranham seu visual atual e questionam se é ela mesma.

"Quando as pessoas me veem de muitos visuais diferentes, que não estou mais como a Lu, estou caracterizada para outra novela, outro trabalho, entendem ou não. 'Ué, cadê a Lu?', perguntam. 'Mas é a Lu [risos]'. Então, é interessante demais ter este contato, este feedback", curte.

No folhetim da Globo, a Lu começa apaixonada pelo Rafael (Daniel Rocha) e depois se envolve com o Jamaica, personagem do Gabriel Reif, com quem termina a trama.

Mudança no destino de Lu em Totalmente Demais

Julianne Trevisol explica mudança no destino de Lu em Totalmente Demais: \"Sofreu\"

Questionada se este era o final que ela queria, Julianne diz que hoje ela percebe o quanto eles combinam. "Acho o casal muito fofo e verdadeiro, compatível", opina. Segundo a atriz, na sinopse original a história da Lu era ligada ao Rafael, mas ela sofreu tanto na mão do personagem que o público passou a não comprar mais esta história.

"As pessoas me encontravam na rua e me escreviam falando que não, que eu tinha que deixar de ser boba, que a Lu não podia mais ficar com o Rafael. Então, naturalmente, essa história perdeu o fio da meada", relembra.

"E a história com o Jamaica não era prevista, esses personagens eram de núcleos completamente diferentes, eles nem tinham a possibilidade de se encontrar, e acabou que a história foi cruzando ali, o universo dos dois, e tendo essa química", relata. "Eu acho que quando perceberam que tinham essa química o público comprou a química deles", alega.

"Nesta reprise eu tenho visto o público comprar mais ainda o casal, até do que foi na época. Então, está sendo muito gostoso rever. É muito legal você entrar em um trabalho aberto às mudanças da trajetória da personagem", avalia.

Julianne analisa a It Girl como alguém que tem imaturidade emocional. Ela confessa que buscou essa característica de quando era mais nova e fez deste drama o lado cômico que os autores queriam para a personagem.

"É muito bacana se a gente conseguir extrair as nossas referências, nossas vivências e alguma coisinha ali que a gente tenha guardado da nossa personalidade, e foi o que eu fiz com a Lu", exemplifica.

"A Lu é bem diferente de mim, em várias questões, mas eu trouxe uma coisa da Ju para a Lu de pureza, de uma ingenuidade que talvez hoje eu já nem tenha mais, mas já tive", compara.

"Embora ela seja uma jovem de vinte e poucos anos, tenha essa característica para frente no trabalho e promissora, no fundo ela tem uma imaturidade emocional. Tanto que não lida bem com as questões com o Rafael", sinaliza.

"Entao, eu busquei isso em uma Ju lá atrás e esse drama que ela faz da vida. Eu também já tive uma fase da vida dramática [risos]", entrega-se. "E é claro que isso acaba trazendo humor para a personagem", afirma.

Como ela não queria que a Lu fosse um esteriótipo de uma pessoa engraçada, a atriz usou esta característica para fazer rir. "Eu acho que levei o humor dela para esse drama que ela faz da vida. E isso acabou também me trazendo uma nova característica para a personagem", indaga.

Trabalhos, isolamento e o segredo do sucesso

Julianne Trevisol explica mudança no destino de Lu em Totalmente Demais: \"Sofreu\"

Durante este período de pandemia, Julianne Trevisol está em isolamento ao lado do namorado, em um sítio no Sul do Brasil. Com saudades de casa, o que lhe acalma é saber que sua família está bem."Estou sentindo muita falta da minha mãe, irmã, tia e prima, que estão juntas, no Rio", conta. "Passou o dia das mães e eu fiquei longe da minha. Páscoa, que a gente costuma estar junto também, em família, mas faz parte desse momento", alega.

Quando tudo parou, a atriz estava gravando Gênesis, da Record. Agora, ela torce para que possa retomar o trabalho em breve. "É a primeira novela em formato de várias séries, porque são várias fases", adianta.

"Está um projeto lindo da Record. Muito bem feito, com uma equipe de primeira, estou muito feliz de fazer parte deste trabalho", comemora Julianne que quer voltar com tudo ao trabalho.

"Tenho projeto de teatro, da minha peça, que a gente estaria voltando em cartaz, mas também foi adiado. Então, possivelmente, quando liberarem a cultura, voltarei em cartaz. E tenho também um curta para filmar, do Daniel Tupinambá, em São Paulo", lista.

Enquanto isso, ela vem aproveitando a companhia do namorado e da família dele, além de estudar, colocar a leitura em dia, escrever, fazer lives, assistir filmes e cozinhar. "Estou cozinhando bastante muitas delícias, pratos e sobremesas", confessa.

Sobre o sucesso da reprise de Totalmente Demais, a atriz diz não saber qual o segredo, mas credita ao conjunto da obra. "O sucesso é uma alquimia de fatores, começando pelo texto, pelos autores que são realmente muito bons e conseguiram criar uma trama leve, divertida e com conteúdo", aponta.

Julianne destaca também a intimidade da equipe e à direção. "Acredito muito no entrosamento do elenco. O Fábio [Zambroni] realmente teve um olhar para escolher cada personagem dentro de cada perfil e eu acho esse elenco muito bem escalado", opina.

"A interação entre todos nós era muito bacana e isso passa para o público, essa leveza, essa troca, essa verdade. E, claro, ser bem executado, com uma equipe de primeira, a direção com um olhar muito cuidadoso do Luiz Henrique Rios e do Thiago Teitelroit. Por isso, é um sucesso atemporal e que está se repetindo agora.

Para finalizar, ela revela se sua torcida era para o casal Arliza ou o Joliza. "Eu acho que eu shippava a Joliza. Eu tinha um carinho muito grande pelo personagem Jonatas [Felipe Simas]", confessa.

"Foi um personagem que representou muito os meninos que, às vezes, são trabalhadores, têm família, e fazem aquelas acrobacias no sinal. Ali perto do Projac tem um sinal e todas às vezes que a gente voltava ou estava indo gravar,  nós parávamos e eles vinham agradecer por a novela de alguma forma estar representando o universo deles",, recorda-se.

"O Jonatas foi um personagem muito carismático e a história dele e da Eliza é muito sincera, verdadeira", sugere. "Foi muito bem construída, comprou bastante o público", avalia.

Já em relação ao Arhur, ela acha que ele tinha mesmo que ficar com a Carolina. "Era um casal genial, os dois juntos era pra ser. Eles são que nem gato e rato, mas no fundo tem um amor por ali, mal resolvido, mas existe todo um amor. Eu torcia muito pela Ju Paes [risos]. Então, eu queria Arthur e Carolina", conclui.


Fique por dentro dos próximos capítulos de Totalmente Demais e outras produções acessando o canal de Novelas do NaTelinha.

Quer saber mais? Confira o resumo semanal da novela Totalmente Demais de 13/07/2020 a 18/07/2020.

Mais Notícias