Reportar erro
Esse cara é ele

Globo grava especial de Roberto Carlos com muita música, emoção e nervosismo

robertocarlosespecial2017_42bfa6bb980ff6dce6a3975b4a0d8a91b93d99a7.jpeg
Divulgação/TV Globo
Fabrício Falcheti

Publicado em 29/11/2017 às 16:28:48

Na noite desta terça-feira (28), aconteceu nos Estúdios Globo, no Rio, a gravação o tradicional especial de fim de ano do cantor Roberto Carlos.

Em 2017, o show recebeu o título de "Esse Cara" e contou com o Rei cantando clássicos, hits atuais e sucessos que não faziam parte de seu repertório há alguns anos.

Em um palco especial, com um cenário com piso de led e cercado por painéis iluminados, ele recebeu a dupla Simone & Simaria, a cantora Erika Ender, e os cantores Djavan e Tiago Iorc, além da participação especial da atriz Isis Valverde.

Roberto Carlos abriu a noite cantando “Força Estranha” e, em seguida, cumprimentou o público, emocionado. “É um prazer rever vocês em mais um especial de fim de ano. Estamos juntos como sempre”, antes de cantar “Amigo”. Ao lado de Isis Valverde, fez um dueto inédito de “Emoções”, que comoveu a convidada. Roberto ainda cantou “Sereia”, música-tema da personagem Ritinha, interpretada pela atriz em "A Força do Querer", deixando-a lisonjeada pela oportunidade “Roberto, você vai ficar para sempre na trilha da minha vida”, bradou ela, que ainda brincou interpretando Ritinha no palco.

Na plateia, nomes como Fátima Bernardes, Patrícia Poeta, Érika Januza, Isabella Santoni, Marcos Caruso, Carla Diaz, Bruno Cabrerizo, Alex Escobar, Jonathan Azevedo, Zeca Camargo, Vanessa Giacomo, entre outros, cantavam em coro a cada música.

A canção “Fera Ferida” antecedeu a parceria entre Tiago Iorc e Roberto, que apresentaram juntos no palco o clássico “É Preciso Saber Viver” e o sucesso “Amei te ver”. Ele cantou ainda “Detalhes”, “Desabafo” e “Outra Vez”, antes de chamar ao palco sua próxima participação, a dupla Simone & Simaria.

As irmãs, que tinham o sonho de cantar com o Rei no especial, fizeram uma performance de “Quando o Mel é Bom, a Abelha Sempre Volta” e “Te Amo, Te Amo, Te amo”. “Roberto, você não tem ideia do que representa na vida das pessoas”, declarou Simaria, que confessou estar nervosa com o momento e pediu uma "pinguinha" para a produção. “Nossa palavra é gratidão por estar vivendo este momento lindo”, completou Simone.

O público ainda curtiu “Falando Sério”, “Se Você Pensa”, “Que Yo Te Veja” e “Cama e Mesa”. Em seguida, Roberto Carlos recebeu o cantor Djavan para as canções “Pétala” e “As Curvas da Estrada de Santos” e depois apresentou, sozinho, “Côncavo e Convexo”. Aí foi a vez do sucesso “Despacito” invadir a gravação e agitar a plateia.

Ao lado da compositora panamenha Erika Ender, ele arrancou aplausos ao cantar um dos hits do ano em espanhol. O show terminou com “Esse Cara Sou Eu” e “Luz Divina”, pano de fundo para a tradicional entrega das rosas.

O especial “Esse Cara: Roberto Carlos” tem direção artística de LP Simonetti e direção geral de Mario Meirelles, com direção musical é de Guto Graça Mello e do maestro Eduardo Lages. A exibição está prevista para o dia 23 de dezembro.

Mais Notícias