Reportar erro
Canal Viva

Benedito Ruy Barbosa chora ao lembrar da morte de Domingos Montagner

Autor participa do programa "Donos da História" deste domingo, no Viva

beneditoruybarbosa-donosdahistoria_3db376ed7e5d0deed76417ca1f2a1d2df47c9daf.jpeg
Divulgação/Viva
Redação NT

Publicado em 04/06/2017 às 12:28:24

Autor de "Velho Chico", Benedito Ruy Barbosa chorou ao lembrar a morte do ator Domingos Montagner no programa "Donos da História", que vai ao ar neste domingo (4) no canal Viva.

O novelista contou como ele e seu neto Bruno Luperi definiram o desfecho do personagem Santo na novela, após a trágica morte do ator, nas águas do rio São Francisco.

"O Domingos era muito importante como personagem. A novela terminava em cima dele. Um negócio gritantemente importante para mim. Mas a pessoa humana que ele era, o amigo, acabou sendo mais importante que o personagem", disse.

Benedito conta que ficou sabendo do ocorrido quando o corpo ainda estava desaparecido e começou a rezar. "Comecei a rezar 'não pode acontecer, não pode acontecer'. Pensei em toda gente que estava em volta dele. Estava imaginando como cada um estaria se sentindo, porque ele era uma amizade que, sei lá... Sabe essas pessoas que você pega a amizade e vira uma irmandade?", disse.

E prosseguiu: "Eu sei que, quando me ligaram e disseram que acharam o corpo, entrei numa crise aqui. Que barbaridade. Liguei para o Bruno, ele estava chocado também. Eu disse 'nós temos que pensar na história, porque tenho certeza que o Domingos, aonde quer que esteja, quer um final decente para esse personagem'".

"Donos da História" vai ao ar a partir das 18h30, no canal Viva.

Mais Notícias