Reportar erro
Na Irlanda

Filho de 17 anos da cantora Sinéad O’Connor é encontrado morto

Adolescente estava há dois dias desaparecido; artista irlandesa desabafou em rede social

Sinéad O’Connor abraçada ao filho de 17 anos, encontrado morto após dois dias desaparecido
Em rede social, Sinéad O’Connor protestou contra hospital e agência irlandesa após morte do filho - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 08/01/2022 às 15:01:00

Nevi'im O'Connor, de 17 anos, foi encontrado morto dois dias após ser dado como desaparecido. Ele era filho da cantora irlandesa Sinéad O’Connor, famosa nos anos 1990 pela canção Nothing Compares 2 U (ouça abaixo), um dos maiores hits daquela década. Em rede social, ela desabafou sobre a morte do adolescente.

“Meu lindo filho, Nevi'im Nesta Ali Shane O'Connor, a própria luz da minha vida, decidiu encerrar sua luta terrena hoje e agora está com Deus”, escreveu Sinead O’Connor - que agora assina Shuhada 'Davitt -, no Twitter. “Que ele descanse em paz e que ninguém siga seu exemplo. Meu bebê. Eu te amo muito. Por favor, fique em paz”, prosseguiu.

A artista já havia ameaçado processar o hospital em que Nevi’im havia sido internado após duas tentativas de suicídio. Em 3 de janeiro, ela usou seu perfil na mesma rede social para pedir orações ao rapaz, que estava desaparecido. Ele era fruto do relacionamento de Sinead com o cantor folk Donal Lunny. As informações são do portal The Daily Mail.

Com problemas de saúde mental, Sinéad O’Connor também desapareceu, em 2016

Além da revolta contra o hospital, com questionamento sobre a atuação dos profissionais envolvidos na internação do filho, Sinéad protestou contra a Tusla, a agência estatal irlandesa de proteção à criança e à família. Ela acusa a agência de demorar mais de 26 horas para informá-la da morte do filho.

Mãe de outros três, Sinead também compartilhou uma música de Bob Marley. "Isto é para o meu Shaney. A luz da minha vida. O brilho da minha alma. Meu bebê de olhos azuis. Você sempre será minha luz. Nós estaremos sempre juntos. Nenhuma fronteira pode nos separar", escreveu.

A vida da cantora também é marcada por problemas de saúde mental. Em 2016, ela também foi dada como desaparecida. No entanto, postou uma mensagem longa no Facebook. A polícia a encontrou dias depois, afirmando que ela estava bem.

Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
Mais Notícias
Outros Famosos