Reportar erro
Progredindo

Com Covid, Marco Ricca tem evolução e médicos avaliam alta de CTI

Ator está internado desde o início do mês

Marco Ricca atuando
Marco Ricca está internado - Foto: Reprodução
Redação NT

Publicado em 17/12/2020 às 16:40:00

Marco Ricca, 58 anos, continua apresentando evolução no seu quadro clínico, segundo informações do boletim divulgado pela Casa de Saúde São José na tarde desta quinta-feira (17). O ator segue internado no hospital do Rio de Janeiro há cerca de três semanas por problemas causados pela Covid-19. Apesar de ter melhorado sua função respiratório, ainda não há previsão de alta.

“A Casa de Saúde São José informa que o ator Marco Ricca segue apresentando evolução clínica, com melhora na função respiratória. O paciente está bem disposto e a equipe médica seguirá acompanhando-o para, em breve, avaliar sua alta do CTI”, diz o comunicado da unidade de saúde.

Marco vem melhorando dia após dia. Na última quarta-feira (16), por exemplo, os médicos informaram que ele estava lúcido e respirando espontaneamente. Vale destacar que o ator já ficou em situação preocupante e precisou ser intubado na semana passada.

Ricca está no elenco de Um Lugar ao Sol, novela das nove que tem no elenco Marieta Severo, que também esteve internada com coronavírus. Famosos e fãs do ator formaram no dia 8 de dezembro uma rede de orações pela recuperação do ator, a exemplo do que fazem com Nicette Bruno e fizeram com Eduardo Galvão (1962-2020), todos infectados pela Covid-19.

Drama de Marco Ricca

Com Covid, Marco Ricca tem evolução e médicos avaliam alta de CTI

Além de enfrentar a Covid-19, Marco Ricca também sofreu um baque há um mês. O carro de Giuliano Ricca, irmão de Marco Ricca, foi localizado em Santa Isabel (interior de São Paulo), próximo à rodovia Presidente Dutra, que liga a capital paulista ao Rio de Janeiro. Giuliano, que trabalhava como produtor cultural, está desaparecido há seis anos. Dentro do veículo, que apresentava sinais de capotamento, havia uma ossada, segundo informações da Polícia Militar.

O carro tem as mesmas características do automóvel dirigido por Giuliano Ricca quando desapareceu, em 19 de outubro de 2014. A polícia informou que o veículo estava em um sítio e foi visto pela primeira vez por trabalhadores de uma obra que andavam pela propriedade com um cachorro.

O animal latiu ao encontrar o carro, e os funcionários decidiram acionar a viatura policial ao observar a ossada. O exame de DNA confirmará se a ossada é ou não do irmão de Marco Ricca. O caso será registrado pela Polícia Rodoviária Federal na Delegacia de Arujá (SP).



Mais Notícias
Outros Famosos