Reportar erro
Pegou mal

Oscar Filho justifica piada com Dani Calabresa e Marcius Melhem: "Para superar o assunto"

Humorista foi criticado por brincar com episódio de assédio sexual envolvendo colegas

Marcius Melhem (esq.) foi acusado de assediar sexualmente Dani Calabresa (dir.); Oscar Filho (centro) fez piada
Oscar Filho foi criticado por piada envolvendo os colegas Marcius Melhem e Dani Calabresa - Foto: Montagem NT
Walter Felix

Publicado em 05/12/2020 às 14:39:00

O humorista Oscar Filho tentou se explicar após ser criticado por uma piada envolvendo o assédio sexual de Marcius Melhem contra Dani Calabresa, relatado com detalhes em reportagem da revista Piauí. Na sexta-feira (4), após declarar apoio e admiração à amiga, o ex-CQC fez graça sobre as denúncias, o que repercutiu mal nas redes sociais.

No Twitter, após a repercussão do caso envolvendo os colegas, Oscar Filho escreveu: "Sobre o Marcius Melhem ter colocado o pau para fora para mostrar para a galera... Que coragem, hein? Eu nunca seria um assediador porque eu não tenho autoestima suficiente para mostrar a benga pros outros. Eu escondo meu pau até de mim mesmo. Eu mijo de luz apagada".

Criticado pela postagem, o humorista resgatou neste sábado (5) uma publicação anterior, em que repudiava o ocorrido: "Sobre o assediador, não preciso falar nada. A matéria da revista Piauí já falou tudo e ficou claro. Já sobre a Calabresa... Que baita mulher corajosa. Não só corajosa, persistente e resiliente. Parabéns, Dani. Que estômago você deve ter tido para lidar com tudo isso".

"Escrevi isso ontem, mas algumas pessoas resolveram dar mais atenção a uma piada subvertendo a intenção dela. Pra mim, é claro: sou contra o assédio e todo mundo deveria ser, mas parece que as pessoas precisam ver você falando sério sobre o óbvio, sendo claramente contra assuntos tabus", escreveu Oscar Filho, na legenda de publicação no Instagram.

Oscar Filho não se desculpou por piada, mas escreveu: "Vou tentando aprender e acertar"

Ainda no texto, o humorista afirmou que, "como todo mundo", se comoveu com os relatos na reportagem da Piauí, o que também o levou a pensar na barra enfrentada por Calabresa. "Minha maneira de lidar com isso foi escrever esse tweet e, depois, fazer piada para superar o assunto. É assim desde que me conheço por gente", justificou.

"Ainda acho que deve-se fazer piada com tudo, inclusive com assédio. Cabe ao interlocutor ter boa vontade em entender o que está por trás do que está escrito. Mas acho curioso a piada, o humor estar virando uma coisa negativa. Algo que sempre serviu para sublimar, bater, questionar, mudar padrões. Piada com coisa séria, em si, está se tornando um tabu", defendeu Oscar.

Ele finalizou: "Quanto a mim, vou tentando aprender e acertar. Muita coisa envolve uma piada: a graça, o timing, o tema, o contexto, as palavras, a intenção (uma pá de coisas) e todas elas juntas. Mas creio que seja assim com tudo. Tudo é aprendizado, tudo é passível de ser reconsiderado. No mais, fiquem tranquilos. Nunca verão uma notícia minha sobre assédio. Não tiro mais o pau para fora nem pra mijar. Vou ter que lavar roupa toda vez que eu for ao banheiro".

Confira a publicação de Oscar Filho:



Mais Notícias
Outros Famosos