Reportar erro
BBB11

Ex-BBB Daniel se desespera em ter que fechar abrigo de idosos: “Não consigo sustentar”

Ex-participante do BBB11 cuida de um abrigo há 25 anos no Pernambuco e precisa de ajuda

Daniel durante o BBB11
Daniel Rolim, ex-BBB está com dificuldades para manter seu abrigo - Foto: Divulgação
Daniel César

Publicado em 16/06/2020 às 06:41:00

O ex-BBB Daniel Rolim, terceiro colocado do BBB11, concedeu entrevista exclusiva ao NaTelinha e falou das dificuldades que vem tendo para manter a Casa do Amor, uma instituição de caridade que abriga idosas desde 1995. Desesperado com o risco de ter de fechar o local por não conseguir mantê-lo, ele faz um apelo em busca de ajuda.

“Eu não consigo sustentar a Casa do Amor sozinho, jamais. Eu sustento com amigos que me apoiam, muitas pessoas levam cestas básicas, tudo o que é necessário. De fome a gente não morre, agora para pagar os custos mensais nós precisamos de dinheiro, né? Infelizmente”, conta emocionado.

Daniel Rolim ainda explica como funciona a Casa do Amor. “A gente já atendeu mais de 25 idosas, agora eu mesmo tenho medo de receber alguém, só se for alguém em  emergência, que não tem onde ficar, aí meu amor eu trago pra minha casa. A faixa etária é como diz o Estatuto do Idoso, né? A partir de 60 anos e tudo mais, mas se for uma pessoa que esteja precisando, meu amor, as portas estão abertas para pessoas de 15, 16, 17, toda idade. É uma casa de caridade”.

O participante da edição vencida por Maria Melilo frisa que é impossível manter a entidade neste momento. “Pelo amor de Deus, peça ajuda financeira para ajudar a casa do amor.  A casa do Amor todos os meses precisa entre R$ 29 e R$ 32 mil reais para pagar a doze funcionários encargos sociais, essa coisa toda e INSS, que leva R$ 6 mil. As outras coisas, tipo alimentação, fraldas, cadeiras de rodas, cadeiras de banho, colchões, camas de hospital, essa coisa toda, nós recebemos bastante, mas nós repassamos para o Hospital do Câncer de Pernambuco, outras pessoas que precisam, para o interior. Agora, dinheiro para pagar os funcionários, isso nós só temos até quatro meses no máximo”, revela ele em bate-papo com a reportagem.

Daniel conta que se mantém próximo das mulheres que vivem no local já há 25 anos. “Minha relação de afeto com as pessoas que já vivem lá, algumas há 15, 20 anos, não sei quanto, desde 1995 quando eu fundei e quem que fez a missa de abertura da casa foi Dom Helder Câmara. Então, eu não tenho do que reclamar, eu só tenho que confiar em Deus, não é verdade?”, revela tentando ser alto astral.

Porém, o caso é sério e ele faz questão de mostrar isso. “No que eu puder vou fazer de tudo para manter as portas abertas, não só pelas idosas que estão lá porque eu não sei onde botar, se eu fechar trarei para a minha casa, a minha casa estará aberta para essas idosas, até porque essas que vivem lá se tornaram a minha família, então eu não posso deixar em qualquer esquina porque são mais que minha família”, garante.

Daniel na Casa do Amor

Ex-BBB Daniel se desespera em ter que fechar abrigo de idosos: “Não consigo sustentar”

O NaTelinha pediu que ele contasse um pouco da história do local e Daniel foi taxativo. “Em 1995 na metade da minha vida que eu comecei a ajudar as pessoas de rua, só que eu não queria só ajudar as pessoas de rua, queria ajudar idosas. Aí vinha todas aquelas pessoas de rua, gente com casa, gente sem casa e o meu foco era apenas idosas. Então, você sabe, bicha que é bicha pode, o que foi que eu fiz? Lutei e aí eu escrevi para uma Instituição alemã que me ajudou a comprar a casa e desde então eu consigo abrigar melhor as pessoas que mais precisam”, conta sempre com o bom humor que o marcou.

“Eu mesmo, se você me perguntar, fatos que aconteceram na casa. Eu vou te dizer que várias vezes eu já enterrei pessoas solitárias, várias vezes eu rezei, cantei, orei, antes de enterrar o corpo. Mas eu já conhecia a pessoa, eu sabia a oração que ela queria, eu sabia o jeito que ela queria ser enterrada, aí então não importa. Eu mesmo enterrei, eu mesmo joguei terra, eu mesmo fiz tudo. Eu sozinho e isso só me engrandece como pessoa, e isso só me ensina a ser mais humilde, isso me ensina a compreender que mortalha não tem bolso, isso me ensina a compreender que fazer o bem te traz milagres, isso que tenho que passar pras pessoas”, se emociona.

Daniel Rolim e ex-BBBs

Questionado sobre outros antigos participantes do BBB ajudarem e se ele entraria em contato com os colegas, o ex-brother é enfático. “Eu não gosto de procurar nem só ex-BBBs, como não gosto de procurar artistas, como não gosto de procurar pessoas que conheço e amo e que tenho perto. Porque todos que me conhecem, conhecem também a minha situação, sabem o que faço. Pra que eu pedir se a pessoa está fazendo meu sofrimento? Quanto ao abrigo, não quanto a mim porque eu sou feliz, eu mesmo, mas eu não preciso pedir porque as pessoas estão vendo, várias pessoas foram marcadas se estão bancando a egípcia, tem direito de fazer isso”, lembra.

Ele, porém, faz um importante adendo. “Alguns ex-BBBs que me ajudaram a divulgar e que foram maravilhosas e que estão até hoje trabalhando para que a Casa não feche são Anamara, Fany Pacheco e Elis, eu acho que é do BBB17. Essas pessoas se solidarizaram imediatamente comigo e estão pedindo e batalhando junto às pessoas que são repórteres de jornais, de conhecimento para que torne público esse caso da Casa do Amor”, crava.

Daniel e Ana Maria Braga

Logo depois que deixou o BBB, a história de Daniel com o abrigo chamou a atenção de Ana Maria Braga e a apresentadora fez uma grande doação, que o ex-brother não se esquece. “Ana Maria Braga foi a melhor e mais consistente doação que já existiu na Associação Casa do Amor, foram R$ 240 mil doados e que nós vivemos sem pedir esmola durante mais de três anos”, salienta.

“Ana Maria Braga é uma santa para a Casa do Amor, ela não tem que ajudar mais em nada porque ela já ajudou, ela é maravilhosa. Por isso ela é coberta de bênçãos, imagina, pelo amor de Deus, ajuda gente que não tem nem noção. Que Deus abençoe Ana Maria Braga, ela ajudou mais de três anos o abrigo a gente não pedir ajuda a ninguém, através do Carrefour”, se rasga de elogios.

Daniel Rolim e o BBB20

Ex-BBB Daniel se desespera em ter que fechar abrigo de idosos: “Não consigo sustentar”

Claro que ele não deixaria de comentar o BBB20 e o ex-participante da casa não ficou em cima do muro e revelou para quem foi sua torcida. “Eu tenho tendência a torcer pelos mais pobres, os que mais se lascam. As pessoas que são iguais a mim, as pessoas que têm família simples, as pessoas que têm história simples, as pessoas que são guerreiras de diversas formas. Eu fui fã e sou de várias pessoas do BBB20, mas Thelminha e Babu foram as pessoas que mais se identificaram comigo, né? Não sei como explicar, mas por ser igual, por ser gente da gente, por ser igual a mim. Por lutar por uma vida melhor, por lutar por uma conquista no céu, enfim, todo mundo tem direito”, garante

Já falando de si, ele faz uma observação. “É como eu digo, se eu ficar rico com o YouTube, eu não precisarei mais chorar nas redes sociais porque eu morro de vergonha, eu me sinto muito humilhado pedindo, chorando e tudo mais. Mas se eu ficar rico como todo mundo fica nas redes sociais eu mesmo vou sustentar o abrigo”, promete.

 Daniel Youtuber

Ex-BBB Daniel se desespera em ter que fechar abrigo de idosos: “Não consigo sustentar”

Sem ter muitos seguidores nas redes sociais – ele é seguido por cerca de 17 mil pessoas – Daniel responde com bom humor. “Quando era o meu Instagram, eu que fiz sucesso, eu que fiz do meu auge do BBB11, eu que fui a personalidade, eu não sou esquecido por onde passo, eu sou lembrado, eu sou uma pessoa querida. Eu não tenho ninguém que venha nas minhas redes sociais falar mal de mim, ao contrário. Se fosse hoje, eu seria um tremendo vencedor, ou não né? Porque eu falo demais, morro pela boca feito peixe, mas eu sou sincero, verdadeiro”, brinca.

Mas ele fala sério sobre o tema. “Hoje eu não sei como seria, mas pelo menos eu teria milhares de seguidores, inclusive você sabe que eu fui hackeado, quando eu estava com 60 mil há um ano atrás, eu estava começando a ganhar dinheiro, fazer postagem, mas foi hackeado e não soube readquirir a minha conta”, explica.

Sobre o futuro, Daniel já conta seu projeto de YouTube. “Estou vivendo e aprendendo com a tecnologia, sou burra, tapada, não nego. É por isso que estou fazendo o meu Canal no YouTube com as minhas coisas caseiras, do jeito que sou, travada, mas eu garanto que quando eu estiver no centésimo vídeo, eu estarei melhor que Whinderson Nunes e Luísa Sonza”, ri. O canal dele no YouTube está no início e com 30 inscritos.

[YouTube 4MUDgVMbcKE]

Mais Notícias
Outros Famosos