Estandarte Gelatina

Piores da TV: Bastidores do Carnaval ganha o Estandarte Gelatina 2020

Descubra os vencedores dos piores do Carnaval na televisão

Piores da TV: Bastidores do Carnaval ganha o Estandarte Gelatina 2020
Arte: NaTelinha

Publicado em 26/02/2020 às 08:30:15

Por: Sandro Nascimento

Chegamos na quarta-feira (26) de cinzas do Carnaval. Nos últimos dias, as televisões dedicaram boa parte da sua programação à cobertura da festa que é cartão postal do país. Acompanhando tudo que rolou, este ano o NaTelinha estreia os piores da TV do Carnaval no Prêmio Estandarte Gelatina.

Em 2020, o Bastidores do Carnaval da RedeTV! ganhou o principal quesito por todo conjunto da obra. Porém, SBT e Globo também foram lembrados na primeira edição do Estandarte.

Confira os vencedores:

Vencedor quesito Camisa USTOP: Flávia Noronha

Os maiores de 30 anos devem se recordar do icônico comercial da camisa USTOP, onde um personagem afagava o ego do chefe em várias ocasiões. A peça publicitária acabou criando um famoso bordão na década de 80: "Bonita camisa, Fernandinho".

Na RedeTV!, durante o Bastidores do Carnaval, Flávia Noronha parece que decidiu protagonizar um remake do antigo anúncio com Leo Dias, seu atual chefe.

Ela concordava com tudo o que era dito por ele. Era capaz de até aceitar que o sol é azul. Era tanto elogio que só faltou a frase: "Eu te amo". Bem, embora no primeiro dia do programa, sexta-feira (21), quase chegou a isso.

"Nelson Rubens é o amor da minha vida, mas estou descobrindo um lado do Leo Dias e estou amando!", derreteu-se a apresentadora do TV Fama. Será que é o efeito Gracyanne Barbosa que foi cogitada para assumir seu lugar na RedeTV!? Cada um se segura como pode.

Vencedor quesito Fantasminha: Vinheta Globeleza

Alguém na Globo pegou o politicamente correto e passou a aplicar, nos últimos três anos, na vinheta Globeleza. Cortou tudo, ou melhor tampou.

Nessa nova bíblia, de uns tempos para cá, virou pecado mostrar corpos desnudos na TV durante o Carnaval. Uma festa da carne, onde na rua, a realidade é desconexa com a nova regra.

Em 2020, a vinheta foi tão sem graça que passou batido. Pior do que reclamar, o telespectador praticamente ignorou. Zero repercussão. Se continuar assim, foi o ano do início do fim da vinheta Globeleza.

Vencedor quesito botox do ano: Aline Riscado

Dona de um corpo espetacular, Aline Riscado surpreendeu a imprensa com um rosto diferente. O excesso de botox tirava a concentração dos jornalistas que não sabiam se prestavam a atenção no que ela falava ou tentavam entender o que exatamente a rainha de bateria da Vila Isabel fez no rosto.  

Aline, o quesito botox 2020 é seu, mas um conselho: para por ai.

Vencedor Quesito Robert do ano : Dudu Camargo

De onde surgiu Dudu Camargo no Carnaval da RedeTV!? Como apareceu uma banheira do Gugu no meio do Anhembi? Como Simony se tornou ombusdman na cobertura da emissora? Ela ressurgiu e foi para onde? Quem atiçou a mão do Dudu para chegar na ex-Balão Mágico? Questionamentos tão nonsense que merecem ser respondidas num Globo Repórter apresentado por Jojo Todynho.

Tendo tudo isso como pano de fundo, que acabou gerando uma história mal explicada de assédio, o Robert do Estandarte Gelatina fica com Dudu Camargo. Ele que deixou o posto de apresentador do jornal de cinco matérias do SBT, ops! Primeiro Impacto, e foi parar de pijama na cobertura dos bastidores de carnaval da RedeTV!, no melhor estilo Mister M.

Vencedora quesito Dudu Camargo: Claudia Leitte

Deu aquela invejinha branca em Claudia Leitte sobre a apresentação da Pink no Rock no Rio. Com isso, a auto-denominada Beyoncé brasileira também resolveu ficar pendurada de ponta cabeça no Carnaval baiano, como o show da cantora americana no festival de música do ano passado. Resultado: girou igual ao pião da Casa Própria do SBT.

Ninguém entendeu, pra quê? Por quê? Um mico que só se explica para virar meme na internet. Até o microfone não aguentou o vexame e tentou deixar a cena de fininho. Acho que foi também uma invejinha branca de Dudu Camargo no Carnaval da RedeTV!

Vencedor quesito Prometeu e não entregou: SBT

O SBT parece que desistiu de apostar na transmissão do carnaval da Bahia em rede nacional. A folia dos baianos se resumiu em um curto programa empurrado na grade numa Sessão Coruja em alguns dias da festa. Uma cobertura bem diferente do que foi prometido.

Aliás, no domingo de Carnaval, o canal ignorou a folia e exibia uma programação avessa o que ocorria nas ruas.

Estandarte Gelatina 2020: Bastidores do Carnaval

Com tudo o aconteceu por trás das câmaras e o que foi exibido na televisão, o principal Prêmio da 1ª edição do Estandarte Gelatina vai para o Bastidores do Carnaval da RedeTV!.

A atração foi a prova que fazer um bom programa popular não é tarefa fácil. A intenção foi válida, mas a execução foi feita para os próprios amigos dos apresentadores assistirem. Era constrangedor o elenco querer chamar mais atenção que as matérias com assuntos que não interessava a ninguém. Faltou o show.

Para o telespectador ficou o sensação de estar bebendo água de salsicha. Numa atração que mudou em busca da qualidade, ninguém entendeu a escalação de Simony e Gretchen. Esqueceram o bom senso. Em comparação ao ano passado, a audiência do Bastidores do Carnaval fugiu da RedeTV! 




publicidade

LEIA TAMBÉM

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!