Entrevista de Pedro Bial defendendo William Waack repercute entre jornalistas da Globo

Apresentador falou sobre desligamento do jornalista em entrevista à Folha

Divulgação/TV Globo

Publicado em 02/04/2018 às 13:01:44 ,
atualizado em 02/04/2018 às 22:29:47

Por: Sandro Nascimento

A entrevista concedida por Pedro Bial à coluna de domingo (1º) de Mônica Bergamo no jornal Folha de S.Paulo, teve grande repercussão entre os jornalistas contratados da Globo e trouxe à redação o debate sobre a saída de William Waack. Na ocasião, o apresentador do "Conversa com Bial" classificou como "muito triste" o desligamento e disse que o amigo é "um dos mais brilhantes jornalistas brasileiros".

Nenhum profissional quis falar de maneira oficial, porém, pessoas ouvidas por esta coluna do NaTelinha, com a promessa de anonimato, apontaram como corajosa a iniciativa de Bial em defender publicamente o ex-comandante do "Jornal da Globo" e, de forma veemente, criticar a condução do problema pela cúpula da emissora.

Além disso, afirmam que o apresentador do "Conversa com Bial" refletiu na entrevista, compartilhada exaustivamente no WhatsApp entre os jornalistas da Globo, o pensamento de boa parte da redação de jornalismo é que o episódio das fitas vazadas de racismo teve como consequência interna, um maior cuidado sobre o que é dito quando as câmeras estão ligadas antes do "valendo".

"Alguma coisa não bateu", afirmou um profissional em relação à saída de Waack do canal carioca.

Na entrevista à jornalista Mônica Bergamo, Bial disse: "Esses tempos (de hoje), o que eu achei muito suspeito foi uma brincadeira pra lá de infeliz do William vazar um ano depois (da gravação). Pô, um ano? O que aconteceu nesse ano? Primeiro, foi algo que acho ilegal, tiraram o material daqui de dentro, privado. Teve alguma bandidagem aí no meio. Um ano depois isso surge? Achei tudo meio... Fedido, sabe? Senti um cheiro ruim ali".

Em outro momento, Pedro Bial relembrou que sofreu um caso semelhante na emissora, em 1998, quando vazou um áudio durante a exibição de uma matéria no "Fantástico" sobre balé: "Isso é coisa de viado".

"Por mistérios... Nem tão mistérios... Por sacanagem, alguém... Depois de essa fita ser revisada cinco vezes (antes de ir ao ar), isso foi exibido. Se fosse hoje, sei lá o que iria acontecer”, avaliou o apresentador.

Nesta segunda (02), após o "Jornal da Globo, Pedro Bial estreia a nova temporada do seu talk-show na Globo, apostando em entrevista internacionais.

Sandro Nascimento é jornalista formado. Especializou-se em produção de conteúdo audiovisual para a web e é responsável pela TV NaTelinha. Também assina colunas neste espaço e é correspondente da agência de notícias ZOOMINTV. Twitter: @SandroNascimm / E-mail: sandro@natelinha.com.br



publicidade

LEIA MAIS

publicidade

COMENTÁRIOS

Para comentar na página você deve estar logado com seu perfil no Facebook. Este espaço visa promover um debate sobre o assunto tratado na matéria. Comentários com tons ofensivos, preconceituosos, de propaganda e que firam a ética e a moral podem ser deletados. Participe!

publicidade