Reportar erro
Colunas

Enfoque NT: A relação entre novela e merchandising

9a0d5b0dc76137df152c47fb61eca69f.jpg
Foto/ilustração
Thiago Forato

Publicado em 10/04/2014 às 17:44:02

Novela sempre foi uma paixão do brasileiro. Assim como o futebol e o Carnaval. Não é exagero dizer que é um produto que dita tendências, moda, costumes e comportamentos do público.

A telenovela está há várias décadas inseridas no nosso cotidiano e agradar o público é cada vez mais difícil, que está bastante exigente. Reflexo disso são as baixas audiências de todas as novelas globais.

Outro ponto interessante que, aliás, é o título deste artigo, é a relação da dramaturgia com uma ação de merchandising. Aquele momento em que nós, telespectadores, sofremos da famosa “vergonha alheia”, por ver um produto enquadrado numa determinada cena sem o menor cuidado e esmero. É jogado ali, muitas vezes, de forma desconexa.

Embora isso esteja mudando, é um ponto a ser muito melhorado. Temos muito o que aprender com os estadunidenses que têm a capacidade e traquejo de colocar essas ações e fazê-las parecer que estão dentro de um contexto.

Produtos de beleza, supermercados e bancos parecem ser humanamente impossíveis de encaixar em uma cena sem que destoe do que está sendo conversado em cena. Foge completamente do contexto.

Armamento pesado

Depois de estrear seu pacote de filmes na “Temperatura Máxima” com “O Gato de Botas” e ter programado posteriormente “Os Smurfs”, no próximo domingo (13) a Globo vem com “Thor – O Deus do Trovão”. Um blockbuster para concorrer com o “Domingo Show”.

Outro grande filme, “A Rede Social” está programado para as madrugadas do “Supercine” do próximo sábado (11).

Mais uma vítima

“Domingo Maior”, “Junto & Misturado”, “Sai de Baixo”, “The Ultimate Fighter”, “Revenge” e até o então invencível “Big Brother Brasil” foram vítimas de Silvio Santos no final das noites de domingo. O próximo é o “SuperStar”.

Batendo em bêbado

Virou mania criticar a novela “Em Família”, seja pela lentidão, pela falta de vilões ou pela discrepância de idade entre personagens com parentesco dentro da novela. Alguns itens foram mal elaborados. Será que se essa novela fosse há 10 anos seria tão criticada ou a novela que é ruim mesmo, segundo alguns estão dizendo?

Mais Notícias