Reportar erro
No Melhor da Tarde

Cátia Fonseca defende castração química ao noticiar caso de pedofilia

Apresentadora da Band se revoltou ao falar de palhaço que assediava crianças

Cátia Fonseca de roupa lilás durante programa Melhor da Tarde, na Band
Catia Fonseca durante o Melhor da Tarde desta quinta-feira (11) - Reprodução/Band
Jéssica Alexandrino

Publicado em 11/11/2021 às 15:31:16,
atualizado em 11/11/2021 às 15:33:20

Cátia Fonseca se mostrou indignada ao noticiar um caso de pedofilia no Melhor da Tarde desta quinta-feira (11). Um palhaço se aproveitava da inocência de crianças e assediava menores pelas redes sociais. Após exibir capturas de tela que mostravam a ação do suspeito, a apresentadora da Band deu sua opinião sobre a punição que considera justa em casos como esse. "É um assunto delicado, mas eu vou falar mesmo assim. Eu sou favorável nesses casos à castração química, não tem outra saída. Que saída você vai ter? Você acha que a pessoa que sai vai fazer o que?", declarou a apresentadora, citando casos de pedófilos que deixaram a prisão e avisaram que iriam cometer novamente os crimes, senão fossem castrados quimicamente.

A castração química é um método que priva, temporariamente, que a pessoa tenha impulsos sexuais, por meio do uso de medicamentos hormonais. Com o tratamento, o homem continua fértil e não há a necessidade de remoção dos testículos, mas ele passa a ter dificuldade de ter e manter ereções pela oscilação na dosagem de hormônios.

A ex-Gazeta ainda se desculpou com telespectadores que não gostam de ver assuntos como este entre as pautas do vespertino. "Você entende por que a gente tem que falar? Não é um programa para a família? Desculpa, mas tem gente reclamando assim 'vocês ficam falando disso'. Se eu pensasse como você, os meus filhos são adultos, eu não pensaria nisso. Olha que coisa mais egoísta. Não é porque os meus filhos cresceram que eu não vou pensar nisso", opinou Cátia, ressaltando a importância de que temas como esse sejam abordados para que pais e responsáveis fiquem atentos às pessoas com quem seus filhos mantêm contato pela internet.

A apresentadora recebeu o apoio de Alex Sampaio, que concordou com ela. "Você está usando seu serviço, seu espaço, sua voz para alertar, para informar você, pai, mãe, adolescente que está assistindo, para entender que é perigoso, o mundo real é duro, é difícil", completou o repórter.

Cátia Fonseca se revoltou com palhaço que assediava crianças

O caso de pedofilia que deixou Cátia Fonseca indignada no Melhor da Tarde desta quinta-feira foi o de Róger Gasparini, de 38 anos, que conquistava a confiança de crianças pela internet fantasiado de palhaço Pimpão. Em uma rede social, o criminoso publicava fotos para ser contratado para shows de mágica e festas infantis. O homem abordava crianças e iniciava conversas com teor sexual, assediando os menores.

Róger foi preso após o pai de uma das vítimas se passar pelo filho e conversar com o suspeito, que pediu fotos do menino nu e prometeu ficar sem roupa também. A polícia apreendeu material de pedofilia na casa do homem e investiga se o conteúdo pornográfico era compartilhado em uma rede internacional. 

Após exibição da matéria, Cátia disse que acha que uma pessoa assim deveria apodrecer na cadeia.



Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do WhatsApp.

Participe do grupo
Mais Notícias