Reportar erro
Comunista?

Datena divide opiniões na web após detonar Bolsonaro

Apresentador foi defendido por opositores do presidente, mas criticado por apoiadores

Bolsonaro (à esquerda) e Datena (à direita) em foto montagem
Datena detonou Bolsonaro e virou assunto nas redes sociais - Foto: Montagem
Redação NT

Publicado em 31/08/2021 às 15:20:00,
atualizado em 31/08/2021 às 15:27:29

Datena se tornou um dos principais assuntos das redes sociais nesta terça-feira (31) após criticar o presidente Jair Bolsonaro durante os comentários que realizou sobre o crime em Araçatuba (SP). O apresentador virou alvo de ataques de bolsonaristas, mas foi elogiado por opositores do chefe do Executivo.

“Datena está certo. Bolsonaro está mais preocupado em fazer arruaça do que em governar o país. Brasileiros estão morrendo, passando fome e o presidente estimulando a desordem, incentivando motim policial. Não tem governo, é só caos”, escreveu o deputado federal Marcelo Freixo (PSB).

“O Datena sofre de algum transtorno mental. A culpa do ataque que aconteceu em Araçatuba foi do governador João Dória e do prefeito Dilador Borges, ambos do PSDB. Bolsonaro cuida da Polícia Federal e do Exército e não da segurança dos municípios e estados. Apresentador fraco e ignorante”, disparou um perfil bolsonarista.

Confira a repercussão:

Datena critica Bolsonaro

Datena irritado no Brasil Urgente; Jair Bolsonaro preocupado

O comunicador se tornou assunto na web por conta do seu posicionamento no Brasil Urgente sobre os ataques em Araçatuba. O apresentador detonou o político ao falar que o Brasil passa por uma crise e que Bolsonaro poderia parar de pensar na campanha das eleições de 2022 para priorizar o bem estar do povo.

"A gente já vive com essa instabilidade política muito grande não pode permitir que esses bandidos tirem a nossa tranquilidade… Se nessa crise que nós enfrentamos no Brasil, onde há ameaça da liberdade, à democracia, com declarações de golpe e coisas parecidas... Se a gente olha isso, esses ataques terroristas a outros ataques malucos, usar armas que tem por aí, o país vai ficar ingovernável, vai perder completamente a sua governabilidade", começou o jornalista.

"Eu achava melhor que o presidente começasse a governar, que Paulo Guedes começasse a pensar no povo, esquecesse campanha política, esquecesse da história de voto e ligar para o povo que está morrendo de fome, de coronavírus, que está com outras doenças ,que não tem teto... Se isso a gente alinhar o terror desses ataques, nós estamos completamente perdidos. Não dá pra continuar assim", criticou.



Participe do nosso grupo e receba as notícias mais quentes do momento.

Ao entrar você está ciente e de acordo com os termos de uso e privacidade do Telegram.

Participe do grupo
Mais Notícias