Reportar erro
Vitória merecida

Campeã da Dança dos Famosos, Lucy Ramos cita superação: "Luta comigo mesma"

Atriz elegeu sua melhor apresentação no quadro do Domingão do Faustão

Lucy Ramos posada sorridente com o troféu da Dança dos Famosos
Lucy Ramos é a vencedora de Dança dos Famosos 2020. Foto: Gshow/ Reprodução
Redação NT

Publicado em 21/12/2020 às 11:44:00

Nesse domingo (20), Lucy Ramos se consagrou a campeã da Dança dos Famosos temporada 2020, ao lado do professor Reginaldo Sama. Na final, a atriz disputou o troféu de vencedora com Danielle Winits e Giullia Buscacio, que ficaram em segundo e terceiro lugar, respectivamente. Para as duas apresentações da noite, Lucy dançou valsa e tango, em um clima de superação. A intérprete da Leila, de A Força do Querer, contou sobre as dificuldades que teve durante o quadro do Domingão do Faustão e como encarou os desafios propostos.

"Em todo o meu percurso, o que passava pela minha cabeça era que eu precisava me superar, dar o meu melhor, entrar naquele palco e levar emoção e alegria para quem está assistindo. Eu queria preencher aquele palco de luz e energia. E era uma luta comigo mesma, eu não estava competindo com ninguém, mas com os meus desafios e as minhas conquistas", afirmou ao Gshow.

"É de se emocionar. Foi um ciclo para mim de muita emoção, com tudo que estava acontecendo no externo e ali dentro também, porque mexe com muita emoção. Eu saí muito fortalecida deste ciclo", completou.

Lucy Ramos elege melhor show da Dança dos Famosos

Lucy elegeu o samba como o ritmo que mais gostou de apresentar no palco do Domingão do Faustão. Ao som de Tá Escrito, do conjunto Revelação, a atriz gabaritou seu show em seis nota 10.

"Eu nunca tinha dançado gafieira, samba no pé sim, mas gafieira nunca. Mas o samba é algo que está na nossa raiz, é muito nosso, é muito Brasil. Foi a melhor apresentação. Eu recebi muitas mensagens de muitas pessoas que se emocionaram", contou Lucy.

"Eu vivi intensamente cada minuto, cada segundo, e não me arrependo de nada do que fiz. Passei os dias praticando e estudando, não só fisicamente, mas teoricamente, porque eu acho que tudo soma. E os bastidores também, estar em sintonia com todos, tudo isso acrescenta e fortalece muito. É uma soma de tudo. É dedicação, garra e fé", atribui Lucy à sua vitória.

Mais Notícias